Ir para o conteúdo EDUCOM Ir para o menu EDUCOM Ir para a busca no site EDUCOM Ir para o rodapé EDUCOM
  • Acessibilidade
  • Sítios da UFSM
  • Área restrita

Aviso de Conectividade Saber Mais

Início do conteúdo

A força universitária nas quadras



Reportagem e fotografia: Felipe Michalski

Reconhecida nacionalmente por ser um dos principais centros de ensino do país, a UFSM também tem motivos para se orgulhar por quem a representa no esporte. Em três modalidades esportivas, a UFSM disputa competições municipais e estaduais, além de competir no cenário universitário.

Muito mais do que apenas disputar jogos, os projetos reforçam as ligações dos estudantes envolvidos e da comunidade universitária com a Universidade. Os projetos são desenvolvidos pelo Centro de Educação Física e Desportos (CEFD) e possuem apoio institucional da Reitoria.

A UFSM Futsal foi criada em 2005 e retornou em 2016. Neste ano, disputa a Série Bronze de Futsal – a terceira divisão gaúcha da modalidade. É um dos três times santa-marienses na competição, juntamente com União Independente e o estreante Nova Geração. Além da equipe adulta, foi criado um time sub-20, que faz sua edição inaugural na Série Bronze da categoria neste ano. Nesta última, o projeto realizou uma seletiva no início do ano para complementar o grupo que disputa o estadual da categoria, no qual 18 atletas foram inclusos.

Mesmo se tratando de torneios, a visão dos idealizadores não se restringe apenas a vencer. Marcos Cairrão, treinador do time adulto em 2016 e atual comandante do combinado sub-20, enfatiza a gama de áreas do conhecimento envolvida em um programa desta magnitude: “É um projeto de ensino, pesquisa e extensão. Ele traz um amplo espaço para vários acadêmicos poderem trabalhar no esporte”.

Fortalecer o tripé ensino-pesquisa-extensão seria o caminho o desenvolvimento do esporte na região. É o que defende Gabriel Pranke, técnico da equipe adulta: “Espero que o desenvolvimento do projeto possa contribuir para o desenvolvimento regional do futsal, além de contribuir para uma cultura esportiva dentro da UFSM, no estabelecimento e manutenção do projeto”.

Nas quadras, os resultados apresentados ainda não chegaram ao patamar desejado. Em 2016, na temporada inaugural da equipe adulta, foram apenas duas vitórias em 14 partidas e a eliminação na primeira fase. Gabriel Pranke não vê isso como motivo para preocupação e acredita que os resultados possam evoluir a cada ano. A maior preocupação reside nos recursos financeiros e humanos que, segundo um dos idealizadores do projeto e professor de Educação Física Antônio Guilherme Schmitz Filho, seria um dos maiores entraves para o programa chegar ao patamar desejado.

Neste ano, o projeto UFSM Futsal está ativo nas categorias adulta e sub-20, que treinam nas dependências da Universidade durante a semana. Enquanto o time adulto busca garantir uma vaga na segunda fase – que seria o maior objetivo da equipe em 2017, segundo Gabriel Pranke – o estreante conjunto sub-20 visa, primeiramente, fazer bons jogos contra equipes poderosas: “O estadual sub-20 é um campeonato difícil, de nível alto, reconhece o técnico Marcos Cairrão.

Outro projeto é o do professor de Educação Física César Alcides Geller, que coordena as equipes masculina e feminina de handebol – conhecida como Handufsm – e de voleibol. Criadas em 2014, as equipes participam de torneios municipais e estaduais. Para Geller, viver o esporte é o mais importante do que vencer campeonatos: “São projetos criados com a intenção de trazer a vivência esportiva para os alunos”.

Todas as equipes contam com processos de seleção esporádicos, que são abertos tanto para estudantes da Universidade quanto para pessoas da comunidade. Alguns dos testes chegam a ser realizados em treinos, e, caso a pessoa se saia bem, pode ser imediatamente chamada.

Em 2016, os resultados apresentados foram medianos: 4º lugar no vôlei masculino nos Jogos Universitários Gaúchos (JUGS) – mesma colocação na Copa Unisinos, outro torneio voltado apenas para equipes universitárias. Já o time masculino de handebol fechou o estadual da modalidade também na 4a posição. As equipes femininas não disputaram competições no ano passado.

Os times seguem treinando. Os treinos do voleibol acontecem no Ginásio 1 do CEFD nas terças e quintas-feiras, a partir das 19h30. No handebol, as práticas ocorrem nas quartas, às 17h30, e sábados, às 15h30. Para participar, basta entrar em contato pelo telefone 3226-7373 ou pela página no Facebook da equipe: facebook.com/handufsm.

Divulgue este conteúdo:
https://ufsm.br/r-802-2341

Publicações Relacionadas

Publicações Recentes