Ir para o conteúdo UMA Ir para o menu UMA Ir para a busca no site UMA Ir para o rodapé UMA
  • Acessibilidade
  • Sítios da UFSM
  • Área restrita

Aviso de Conectividade Saber Mais

Início do conteúdo

Confira como foi o 23º Mutirão Nacional de Destruição de Mercadorias Apreendidas



Nessa quarta-feira (5), aconteceu o 23º Mutirão Nacional de Destruição de Mercadorias Apreendidas, evento em parceria da UFSM com a Receita Federal. As atividades ocorreram no Centro de Convenções no Campus Camobi, e contaram com a presença da professora e integrante da Comissão de Planejamento Ambiental da UFSM (Complana), Marilise Krugel, o Superintendente da Receita Federal na Décima Região, Ademir Gomes de Oliveira, o delegado da Receita Federal em Santa Maria, Araquém Ferreira Brum, e o reitor da Universidade Federal de Santa Maria, Paulo Afonso Burmann.

Da esquerda à direita: O Superintendente da Receita Federal na Décima Região, Ademir Gomes de Oliveira, o delegado da Receita Federal em Santa Maria, Araquém Ferreira Brum, reitor Paulo Burmann e a professora Marilise Krugel (foto: Poliana Corrêa)

Para o Superintendente Ademir, é necessária essa conscientização: “Como estou me comportando para a preservação do ambiente? São coisas simples, como a Coleta Seletiva, meu banho, fechar a torneira durante a higiene pela manhã. Nós [Receita] temos essa missão muito nobre de tirar do meio ambiente aquelas coisas que não servem para ele”.

Superintendente Ademir Gomes de Oliveira (foto: Poliana Corrêa)

O reitor Paulo Afonso Burmann ressaltou as doações de veículos, bebidas e equipamentos da Receita Federal para a instituição e enfatizou a consciência ambiental da UFSM. “Estaremos programando, ainda no primeiro semestre, a organização da Coordenadoria de Planejamento e Gestão Ambiental, um órgão que vai tratar de todas as iniciativas de gestão ambiental da Universidade. Essas atividades devem obrigatoriamente fazer parte de nosso cotidiano — não só pelo cumprimento da legislação, mas também pela mudança de cultura e processo pedagógico para nossos estudantes e servidores e para a comunidade em geral”

Após as apresentações, ocorreu a visita à Usina de Etanol do Colégio Politécnico, guiada pelo professor Filipe Donato, que explicou o processo de produção após a chegada das bebidas. O processo de destilação das bebidas e transformação em combustível leva em torno de quatro horas. Seguindo as demonstrações, servidores da Receita Federal explicaram o trabalho dos cães farejadores.

Professor Filipe Donato apresenta a Usina de Etanol (foto: Poliana Corrêa)

Por fim, funcionários das associações beneficiadas pela Coleta Seletiva Solidária da UFSM demonstraram os produtos feitos por eles com os materiais apreendidos e doados pela Receita Federal.

Confira mais fotos na galeria abaixo:

Textos e imagens por Poliana Corrêa, bolsista do projeto UMA – Universidade Meio Ambiente


Notícia vinculada a


Publicações Recentes