Ir para o conteúdo Políticas Editoriais Ir para o menu Políticas Editoriais Ir para a busca no site Políticas Editoriais Ir para o rodapé Políticas Editoriais
  • Acessibilidade
  • Sítios da UFSM
  • Área restrita

Aviso de Conectividade Saber Mais

Início do conteúdo
Apresentação

A elaboração de uma política editorial em comum busca cumprir o objetivo de ser um documento de referência para a organização, os procedimentos e as rotinas dos veículos de comunicação da UFSM. As produções desses meios precisam estar de acordo com diretrizes que orientem os produtores de conteúdo no sentido de proporcionar um trabalho padronizado. Consequentemente, resultados de qualidade são gerados ao público.

Este pode acompanhar os veículos com mais fidelidade ao saber em que são baseados e quais expectativas pode ter, o que confere um caráter democrático, interativo e transparente aos processos de criações dos produtos. Assim, contribui-se para a formação de um consenso, tanto na produção quanto na recepção, sobre os propósitos comunicacionais dos veículos.

A criação de uma política em comum e das políticas específicas se justifica, também, como uma garantia de autonomia e independência das unidades. Cada veículo pertence a um órgão de planejamento da Universidade, entretanto cada mídia (impressa, on-line, radiofônica e televisiva) possui suas especificidades, como periodicidade, linguagem e proposta editorial. Se forem uniformizadas, perdem a identidade, o que pode levar à homogeneização do conteúdo.

Assim, os veículos têm princípios em comum, porém precisam ter definições próprias para terem autonomia ao tratar de temas relevantes de acordo com suas atribuições, tendo a garantia de liberdade de pauta, de senso crítico e de tratamento editorial – o que não impede a recepção de sugestões de assuntos para cobrir. Tanto as diretrizes como os perfis podem ser revisados periodicamente conforme for solicitado.

Veículos