Ir para o conteúdo Música Ir para o menu Música Ir para a busca no site Música Ir para o rodapé Música
  • Acessibilidade
  • Sítios da UFSM
  • Área restrita

Aviso de Conectividade Saber Mais

Início do conteúdo

Grupos de Pesquisa e Laboratórios

Laboratório de Palhetas Duplas – LPD

Coordenação: Prof. Dr. Lúcius Batista Mota e Prof. Me. Glaubert Gleizes Faber Nüske

Links oficiais: WebsiteFacebook

Apresentação: Os cursos de oboé e fagote da UFSM foram criados durante a expansão universitária proporcionada pelo REUNI. Estão entre os poucos cursos universitários de oboé e fagote sediados em uma cidade do interior no Brasil. Atualmente contam com dois professores especialistas, que também atuam em outras áreas da Música, seja em disciplinas teóricas ou práticas. O Laboratório conta com alunos de graduação e pós-graduação (lato sensu), além de extensionistas e alunos de outros cursos da Música nas disciplinas de prática de performance. Professores e alunos tem se apresentado regularmente na UFSM, em seus diversos campi, bem como em eventos no Brasil e exterior.

Objetivos do laboratório: Desenvolver atividades de ensino, pesquisa e extensão relacionados aos cursos de graduação e pós-graduação de oboé e fagote da UFSM, contribuindo para a pesquisa sobre a música, história, ensino dos instrumentos e criando materiais de ensino em português. Contribuir com a pesquisa na área de performance musical. Realizar os Encontros de Oboé e Fagote da UFSM em período anual. Estabelecer convênios com outras universidades no Brasil e exterior. Divulgar os cursos de oboé e fagote junto a comunidade.

Principais resultados: Entre as atividades desenvolvidas até aqui destacam-se as seis edições dos Encontros de Oboé e Fagote da UFSM. Estes eventos têm atraído professores e alunos de outras universidades do Brasil e exterior, incluindo Argentina, Uruguai, Chile, México, Costa Rica, Canadá e Suíça. Foram realizadas diversas estreias mundiais de obras durante os recitais realizados nos eventos. Também houve lançamentos de CDs e livros por artistas convidados. O evento também conta com a apresentação de trabalhos científicos de professores e alunos.

Localização: sala 303 do prédio Anexo ao prédio 40b.

Vídeo de divulgação dos cursos de Bacharelado em Música (opções Oboé e Fagote) da UFSM.

Laboratório de Canto Coral dos Cursos de Música (LCC): Coral UFSM e Coro de Câmara da UFSM

Coordenação: Prof. Dr. Cláudio António Esteves

Apresentação: A atividade coral é parte integrante do currículo do curso de graduação em música da UFSM nas disciplinas Canto Coral (I, II e III) e Coral Universitário (I, II e III). O presente projeto se faz necessário pela inserção da atividade coral no âmbito acadêmico e da comunidade de Santa Maria, contribuindo desta forma com a educação musical através do canto coral e também busca suprir as necessidades de cada atividade vocal em seu desenvolvimento. A conscientização da importância e do valor da arte coral e o incentivo à criação de novos coros são também ações importantes. As ações proporcionadas por este projeto enfatizam a atividade de Canto Coral atendendo solicitações de ajuda, apoio e desenvolvimento de atividades artísticas de modo continuado mediante disponibilidade de pessoal e meios da universidade. De modo geral tal continuidade é função também da possibilidade de absorção do profissional recém-formado em música, ao qual o Curso busca dar atenção em suas necessidades decorrentes de sua especialização e este projeto procura contribuir.

A manutenção do Laboratório de Canto Coral dá suporte a toda ação de extensão que possa difundir, criar ou apoiar ações de grupos corais. Solicitações de apoio e atendimento a grupos corais em caráter extensionista ocorrem ao longo do ano letivo por parte de mais variados grupos sejam municipais, religiosos ou de cunho social, sendo cada proposta atendida de acordo com seus objetivos próprios. É fundamental que as atividades vocais desenvolvidas dentro do ambiente acadêmico possam usufruir de espaço na comunidade de modo que haja benefício mútuo nesta expressão artística.

O Curso de Música é beneficiado por este projeto pelo apoio a toda atividade discente que seja afim. Grupos vocais diversos necessitam de diferentes abordagem e materiais. No caso do Canto Coral da UFSM o trabalho é feito através de um repertório seleto que exige a  articulação entre o grupo e as diversas forças musicais exigidas pela obra a ser realizada. Orquestra, instrumento(s) acompanhador(es), solista(s) e o próprio grupo vocal devem ser tratados de acordo com a necessidade musical e expressiva. A articulação de cada indivíduo com funções diversas envolvido na montagem é o grande desafio deste trabalho, cujo principal grupo de trabalho procura-se articular entre os discentes.

Objetivos: O Laboratório de Canto Coral dos Cursos de Música da UFSM tem como objetivo geral a difusão da atividade coral pela comunidade universitária através do estímulo à criação e manutenção de grupos corais vinculados à UFSM visando a formação artística profissional do indivíduo através do repertório coral. Seus objetivos específicos são:

– Estimular o desenvolvimento da prática coral entre os acadêmicos do Curso de Música e outros participantes do movimento Coral UFSM;

– Trabalhar as técnicas vocais e de regência específicas para coro;

– Aprimorar o nível técnico e artístico dos grupos ligados ao Laboratório de Canto Coral;

– Estudar o repertório coral;

– Contribuir para o desenvolvimento do canto coral em vários segmentos da sociedade;

– Promover a formação e o aperfeiçoamento de regentes de coros da comunidade e região;

– Incentivar a produção artística dos grupos pertencentes ao Laboratório de Canto Coral;

– Desenvolver as habilidades de apreciação musical do público, visando formação de plateias;

– Contribuir com o Plano de Desenvolvimento Institucional da UFSM.

Coro de Câmara da UFSM (2019).

Estúdio de Trompete

Coordenação: Prof. Dr. Clayton Juliano Rodrigues Miranda

Apresentação: O Estúdio de Trompete inclui tanto discentes como a comunidade local. Os participantes possuem objetivos semelhantes em que através do desenvolvimento de técnicas e musicalidade são direcionados ao alcance do mais alto nível de performance e pedagogia do instrumento. Sua fundação correu em 1980, com o Prof. Lothar Brenner, seguido pelo Prof. Enio Guerra, a partir de 1993, e pelo pelo Prof. Clayton Miranda, desde 2016.

 Desde a sua fundação, o Estúdio de Trompete se orgulha de ser o único do Estado do Rio Grande do Sul. Nossos alunos têm ocupado posições de prestígio no cenário nacional e internacional, tanto profissional quanto acadêmico. O estudante poderá desenvolver seu potencial artístico e acadêmico através de aulas coletivas, performances em grupos e aprendizado experimental. O estudante de trompete amadurece em um ambiente onde se prioriza a busca por excelência, criatividade, comunidade e desenvolvimento pessoal.

 O nosso estúdio é membro associado da International Trumpet Guild.

Localização: sala  302 do prédio Anexo ao prédio 40b.

Estúdio de Trompete da Universidade Federal de Santa Maria, 2016.

Música: Criação, Recepção e Compreensão

Líderes: Prof. Dr. Arthur Rinaldi e Profa. Dra. Nayana Di Giuseppe Germano

Website oficial

Espelho do grupo no CNPq

Parcerias institucionais: UNESP.

Apresentação: O Grupo se propõe a desenvolver estudos interdisciplinares sobre a formação e o desenvolvimento de conceitos musicais que organizam e estruturam a criação, recepção e compreensão da Música. O foco central do grupo consiste em compreender o processo de formação e desenvolvimento de conceitos musicais, estejam estes ligados mais diretamente à teoria e à performance musical (criação e compreensão), ou a aspectos cognitivos da música (recepção e compreensão). O grupo apresenta um perfil multidisciplinar, abarcando as seguintes subáreas da Música: Teoria Musical, Análise Musical, Percepção e Cognição Musical, Composição Musical. Atualmente, o grupo conta com três linhas de pesquisa: Processos Cognitivos Musicais, Perspectivas sobre Análise e Teoria Musical na Contemporaneidade e A Composição Musical como Ferramenta para a Exploração de Novas Formas de Expressão Sonora.

Principais resultados: O grupo finalizou o primeiro ano com boa captação de recursos, incluindo 5 bolsas de estudo dentre os 7 projetos cadastrados. Outro resultados incluem: participação em 4 eventos científicos/acadêmicos, publicação de 3 artigos completos e 6 resumos, realização de 9 palestras e finalização de 4 novas composições. Destaca-se a criação do PodCast MusiCuriosos, voltado à difusão de conhecimentos musicais, o qual já conta com 7 episódios publicados.

Localização: sala 1208 (prédio 40b).

Auto-Narrativas de Práticas Musicais (NarraMus)

Líderes: Profa. Dra. Ana Lúcia de Marques e Louro-Hettwer e Maria Cecília de Araujo Rodrigues Torres

Links oficiais: WebsiteFacebook

Apresentação: Os estudos e pesquisas produzidos no interior do grupo abordam, a partir de um recorte (auto)biográfico, questões relativas à narrativas de experiências musicais. O grupo aborda novas práticas musicais estabelecidas no campo da educação musical, além de novos modos de narrar experiências mais tradicionalmente constituídas, observando a intersecção de discursos verbais e sonoros, utilizando-se de entrevistas de História Oral Temática e diários de aula. Sua atuação tem se dado em âmbito nacional e internacional, nos fóruns de Educação e Educação Musical, congressos e encontros acadêmicos, além de livros e artigos publicados em importantes revistas da área.

O grupo é vinculado simultaneamente ao Programa de Pós-Graduação em Educação e ao Departamento de Música da UFSM uma vez que sua líder atua nas duas unidades. Ele é composto por pesquisadores da UFSM e do Centro Universitário IPA de Porto Alegre e tem por objetivo desenvolver pesquisas e estudos sobre a “narrativa de si” por pessoas ligadas a práticas musicais buscando uma interface entre as pesquisa (auto)biográficas na área de Educação e a pesquisa e prática em Educação Musical.

FAPEM

Formação, Ação e Pesquisa em Educação Musical

Líderes: Profa. Dra. Cláudia Ribeiro Bellochio e Profa. Dra. Luciane Wilke Freitas Garbosa

Espelho do grupo no CNPq

Parcerias institucionais: UDESC, UERGS, UFPel.

Apresentação: O grupo tem como foco pesquisas em educação musical, destacando-se as relações entre os sujeitos e as músicas, em seus processos formativos e ações praticas. Um dos focos de pesquisa tem sido a formação profissional e as praticas de professores não especialistas em música. Outros temas também são evidentes, dentre os quais a formação e as praticas de professores especialistas em música, pesquisas narrativas e com cunho histórico. Desde 2002, o grupo tem apresentado trabalhos em eventos científicos: ABEM, ANPPOM, ENDIPE e ANPED. Regularmente, o grupo tem tido seus trabalhos aprovados para as Conferências da Internacional Society for Music Education (Bergen/Noruéga – 2002; Cidade do México – 2003, Ilhas Canárias – 2004; Malásia – 2006; Bologna – 2008. Grécia – 2011; Brasil – 2014). Em 2014 lançou um livro Educação Musical e Pedagogia: pesquisas, escutas e ações e em 2017 a obra Educação Musical e Unidocência: pesquisas, narrativas e modos de ser do professor de referência.

Laboratório de Educação Musical – LEM

Coordenação: Profa. Dra. Cláudia Ribeiro Bellochio e Profa. Dra. Luciane Wilke Freitas Garbosa

Website

Apresentação: Criado em 1980, foi pensado como espaço e lugar de formação e de produção de conhecimentos envolvendo o processo formativo de professores dos cursos de Pedagogia, Educação Especial e de professores especialistas na área de Música. Desde os anos 2000, desenvolve o Programa LEM: Tocar e Cantar, com oficinas de canto e instrumento, aberto à comunidade externa à UFSM. Além disso, realiza trabalhos em escolas de Santa Maria e oferta cursos de formação continuada para professores da educação básica a partir do Programa SOM e dos Círculos Formativos em Música, programas de extensão desenvolvidos pelo laboratório. Tais cursos têm sido, também, implementados em parceria com o Festival Internacional de Inverno da UFSM e com o Departamento de Música.

LARS (Laboratório de Arte Sonora da UFSM)

Direção: Prof. Dr. Arthur Rinaldi

Em construção…