Ir para o conteúdo Relações Internacionais Ir para o menu Relações Internacionais Ir para a busca no site Relações Internacionais Ir para o rodapé Relações Internacionais
  • Acessibilidade
  • Sítios da UFSM
  • Área restrita

Aviso de Conectividade Saber Mais

Início do conteúdo

2ª edição | Ciclo Literário – A contribuição dos estudos culturais para o pensamento Pós-Colonial



Nesta edição, a atividade consistiu em um ciclo literário que, a partir de literatura prévia indicada, debateu sob a mediação da Profª. Drª MarianaSelister Gomes três obras, Da Diáspora de Stuart Hall, Orientalismo de Edward Said e O atlântico negro sob a autoria do Paul Gilroy. Dando continuidade ao I Ciclo, o qual teve enfoque na obra de Franz Fanon, objetivou-se o fomento do diálogo entre acadêmicos e sociedade, tendo como pano de fundo uma literatura de caráter pós-colonial e crítico. As obras indicadas buscaram compreender a emergência de novos saberes a partir de um lugar de fala cuja origem se remete à África e ao Oriente Médio, assim como, perceber a ruptura epistemológica que estes olhares divergentes provocam no pensamento ocidental eurocêntrico. O Pensamento Pós-Colonial se propõe a “ir além do colonial”– isso significa ultrapassar o olhar colonizador do Ocidente, denunciando as mazelas do colonialismo e suas marcas atuais (em diferentes esferas), bem como, propondo sua superação. Os Estudos Culturais focam-se, sobretudo, na dimensão simbólica desta dominação produzida pelo Ocidente. Hall, Gilroy e Said se propõe a pensar o mundo a partir da Diáspora Negra, do Atlântico Negro e do Oriente, o que significa ir além dos estereótipos e dos modelos de análise construídos pela Europa.


Publicações Recentes