Ir para o conteúdo PROPLAN Ir para o menu PROPLAN Ir para a busca no site PROPLAN Ir para o rodapé PROPLAN
  • Acessibilidade
  • Sítios da UFSM
  • Área restrita

Aviso de Conectividade Saber Mais

Início do conteúdo

Plano de metas: Gestão ambiental​

Objetivos relacionados com uma contribuição direta que a Universidade pode dar à sociedade ao implantar um sistema de gestão ambiental que torne a UFSM modelo no tratamento de questões ambientais, bem como a sua contribuição ao formar indivíduos que tenham consciência ambiental.
No âmbito deste Desafio, a UFSM já possui um conjunto de ações e práticas que vem sendo implementado há alguns anos. O foco para o próximo período é buscar o devido reconhecimento daquilo que já fazemos bem e melhorar aspectos nos quais há espaço para desenvolver ações passíveis de reconhecimento, especialmente na área de mobilidade e energia.

IndicadorAno de referência Meta 2022

Categoria Mobilidade no GreenMetric Ranking

15º

Categoria Energia e Mudanças Climáticas no GreenMetric Ranking

25º

21º

Desempenho geral no GreenMetric Ranking25º20º

GreenMetric Ranking

O GreenMetric World University Ranking mensura o desempenho sustentável das universidades, do mundo inteiro, por meio de um instrumento composto por 39 indicadores, distribuídos nos eixos: energia e mudanças climáticas; ensino e pesquisa; mobilidade; resíduos; espaço físico e água. O primeiro ano em que a UFSM participou do ranking foi 2020.

Categoria Mobilidade no GreenMetric Ranking

Na categoria mobilidade, o ranking considera aspectos como o número de veículos pela população do campus, serviço interno de transporte, veículos zero emissões de poluentes, áreas de estacionamento, programas de mobilidade sustentável e acessibilidade. Considerando a existência de algumas iniciativas, a possibilidade de ampliá-las e retomar outras, relacionadas à mobilidade, a UFSM determinou como meta atingir a 8ª posição entre as brasileiras, nessa categoria do ranking. Na edição de 2020, esteve posicionada em 9º lugar, entre as brasileiras.

Categoria Energia e Mudanças Climáticas no GreenMetric Ranking

A categoria energia e mudanças climáticas considera o uso de iluminação energeticamente eficiente, o consumo de energia elétrica, a existência de edifícios inteligentes e verdes, a geração e o aproveitamento de fontes renováveis de energia, programas de redução de emissão de gases de efeito estufa e a pegada de carbono. Nessa área, a UFSM vem desenvolvendo importantes ações, como, por exemplo, a instalação de usinas fotovoltaicas. No resultado do ranking de 2020, essa categoria rendeu a 18ª posição, para a UFSM. A meta da universidade é atingir, pelo menos, a 21ª posição, em 2022.

Desempenho Geral no GreenMetric Ranking

O desempenho geral no GreenMetric Ranking considera, além dos critérios de mobilidade e energia e mudanças climáticas, aspectos relacionados ao ensino, à pesquisa e orçamento voltados para a sustentabilidade, o tratamento de água e resíduos, bem como, a distribuição de áreas livres, de vegetação e de drenagem, no espaço físico da instituição. No desempenho geral da edição de 2020, a UFSM ficou entre as 25 universidades brasileiras mais sustentáveis. A meta é, em 2022, estar entre as 20 com melhor desempenho sustentável, no Brasil.