Ir para o conteúdo CAPES/PrInt Ir para o menu CAPES/PrInt Ir para a busca no site CAPES/PrInt Ir para o rodapé CAPES/PrInt
  • Acessibilidade
  • Sítios da UFSM
  • Área restrita

Aviso de Conectividade Saber Mais

Início do conteúdo

PrInt UFSM

A Universidade Federal de Santa Maria obteve aprovação do seu Projeto de Internacionalização junto a CAPES, mediante participação no Edital 041/2017-Capes/PrInt. O Projeto Institucional de Internacionalização foi elaborado seguindo as diretrizes constantes no Plano de Desenvolvimento Institucional e as diretrizes constantes na orientação de órgãos públicos como a Capes. 

O Projeto Institucional de Internacionalização foi elaborado seguindo as diretrizes constantes no Plano de Desenvolvimento Institucional e as diretrizes constantes na orientação de órgãos públicos como a Capes. O PII-UFSM foi aprovado sem qualquer restrição técnica, porém com um corte orçamentário de 30%. Com isso, o orçamento foi reduzido a, aproximadamente, R$ 24,4 milhões.

OBJETIVOS
  • Fomentar a construção, a implementação e a consolidação de planos estratégicos de internacionalização nas áreas do conhecimento priorizadas pela instituição;
  • Estimular a formação de redes de pesquisas internacionais vinculadas à Pós-Graduação, com vista a aprimorar a qualidade da produção acadêmica e dar maior visibilidade internacional;
  • Ampliar as ações de apoio à internacionalização na Pós-Graduação da instituição, partindo prioritariamente dos programas que atingiram excelência;
  • Promover a mobilidade de docentes e discentes, com ênfase em doutorandos, pós-doutorandos e docentes para o exterior, buscando a reciprocidade de participação do exterior para o Brasil, vinculados a Programas de Pós-Graduação stricto sensu que tenham com cooperação internacional já estabelecida;
  • Fomentar a transformação da instituição em um ambiente internacional criando espaços de convivência, acomodação e de informação;
  • Integrar outras ações de fomento da Capes, CNPq e outras agências ao esforço de internacionalização da instituição.
CONTATO

schneider.paulorenato@gmail.com

ITENS FINANCIÁVEIS
NO EXTERIOR

Com vigência entre 6 e 12 meses.

Professores doutores, titulados há menos de 10 anos. Vigência entre 3 e 12 meses.

Professores doutores, titulados há mais de 10 anos. Vigência entre 3 e 12 meses.

Ou “Summer/winter schools” no exterior, visando aperfeiçoamento individual e o fortalecimento institucional por meio de treinamentos e capacitações técnicas, científicas ou pedagógicas. Vigência entre 15 dias e 3 meses.

Com vigência entre 7 e 20 dias contínuos.

NO BRASIL

Pesquisadores, brasileiros ou estrangeiros, residindo no exterior com relevante experiência acadêmico-científica internacional comprovada (como mestrado ou doutorado plenos, ou mestrado ou doutorado sanduíche por no mínimo doze meses) para realização de atividades de pesquisa ou docência. Vigência entre 6 e 36 meses.

Professores de renome atuantes e residentes no exterior para proferir cursos, treinamentos, palestras ou seminários presenciais. Vigência entre 15 dias e 12 meses.

Pesquisadores ou docentes, brasileiros ou estrangeiros, residentes no Brasil ou no exterior que tenham relevante experiência acadêmico-científica no exterior (como doutorado pleno ou pós-doutorado por no mínimo doze meses), para realização de atividades de pesquisa ou docência. Vigência entre 6 e 36 meses.

PLANO INSTITUCIONAL DE INTERNACIONALIZAÇÃO 2018-2021
PROJETO INSTITUCIONAL DE INTERNACIONALIAÇÃO (PrInt)