Ir para o conteúdo CAL Ir para o menu CAL Ir para a busca no site CAL Ir para o rodapé CAL
  • Acessibilidade
  • Sítios da UFSM
  • Área restrita
Início do conteúdo

Professor da UFSM vai lançar romance na Bienal do Livro de São Paulo



No próximo sábado (30), o professor do Departamento de Letras Clássicas e Linguística e pesquisador do laboratório Corpus da UFSM Enéias Tavares lançará o romance Lição de Anatomia do Temível Dr. Louison na Bienal do Livro de São Paulo. Será o primeiro volume da série Brasiliana Steampunk, série que objetiva reinterpretar os heróis da literatura nacional do século 19 e início do 20 em um cenário retrofuturista. O texto venceu o concurso literário do selo Fantasy, da Editora Casa da Palavra/Leya, entre mais de 1,4 mil autores inscritos.

Questionado sobre o título da série, Tavares explica. “‘Brasiliana’porque trata dos nossos cenários tupiniquins, com ruas, cores, cheiros, cenários e sensações que nos são reconhecíveis e atraentes, além de todo o panteão literário que é reinterpretado no decorrer da trama. Quanto ao elemento ‘Steampunk’, esse sub-gênero da ficção-cientifica contemporânea, queria algo que se passasse entre o final do século 19 e o início do 20 e que fosse charmoso, decadente, com um cheirinho agradável de mofo e um verniz meio descascado de algo que fora belo”.

No centro do enredo, que se passa em 1911, estão o assassino serial Antoine Louison e o investigador Pedro Britto Cândido. A história trata da investigação, da prisão e da fuga de Louison, bem como dos motivos que o levaram a matar nove pessoas. A inovação narrativa está nas vozes que contam a história: personagens clássicos da literatura brasileira que figuram como coadjuvantes. A primeira parte é narrada por Isaías Caminha, a segunda por Simão Bacamarte, a terceira por Soulfieri, Rita Baiana e Bento Alves, entre outros. Entremeando essas textualidades, peças visuais com anúncios de época, galeria de personagens e mapas da cidade de Porto Alegre dos Amantes em 1911 serão divulgados no decorrer dos próximos meses nas redes sociais e no website da série literária, que deve estar no ar entre outubro e novembro.

Segundo o criador, “a ideia é tornar o projeto amplo o bastante para comunicar a diferentes faixas etárias e a diferentes públicos. Adoraria vê-lo na escola, e penso que a reinterpretação que proponho pode despertar a atenção de muitos jovens leitores para os nossos textos literários tradicionais, para além das leituras tradicionais que objetivam apenas o vestibular ou a discussão calcada nos períodos e nos estilos literários, algo que sempre vi como parcialmente problemático no ensino de uma arte. Affonso Solano, numa entrevista, mencionou que Brasiliana Steampunk ‘mitifica o herói nacionalatravés do entretenimento’, o que achei mais do que adequado como descrição do romance.”

O romance estará à venda no estande da Editora Leya (N250) durante toda a Bienal, que acontece no pavilhão de exposições do Anhembi, entre os dias 22 e 31 de agosto. A sessão de autógrafos com Enéias Tavares e outros autores da Casa da Palavra/Leya acontecerá no dia 30, sábado, 15h. Em Santa Maria, o lançamento está programado para o dia 04 de Outubro, na livraria Athena. Em Porto Alegre, no dia 10 de outubro na Casa Cultural Tony Petzhold.


Publicações Recentes