Ir para o conteúdo Ir para o menu Ir para a busca Ir para o rodapé
  • Acessibilidade
  • Sítios da UFSM
  • Área restrita
Início do conteúdo

Respeito à vida como forma de prevenção ao suicídio foi tema de palestra na UFSM-PM



A comunidade acadêmica e o público em geral do município de Palmeira das Missões prestigiaram mais um evento da Programação do Setembro Amarelo, que ocorreu no auditório do campus, nesta segunda-feira (17).

Desta vez, todos pararam para ouvir o que o Pe. Paulo Rodrigues dos Santos tinha para falar sobre a prevenção ao suicídio. O Padre, que é Pároco da Paróquia Santo Antônio de Palmeira das Missões, formado em Filosofia, Teologia e Espiritualidade, também é Psicólogo e foi o convidado especial do Programa de Educação Tutorial (PET) do curso de Enfermagem.

O palestrante destacou que é preciso pensar a prevenção ao suicídio através do respeito à vida. Frisou que vivemos em uma sociedade adoecida, pois há uma inversão de valores: a vida deixou de ser o “bem” maior; há uma banalização da vida; cultura do espetáculo; sociedade de consumo, do descarte e do desrespeito. “Infelizmente vivemos numa sociedade que produz ‘a cultura’ da morte, impondo sobre as pessoas modos absurdos de viver que podem levar a autodestruição e a morte”, ponderou o Padre.

Na ocasião, foi debatido o suicídio enquanto fenômeno, com suas causas e transtornos. Como forma de ajuda o Padre salientou a importância de termos a “cultura do bem viver” e uma qualidade de vida. “Não somos donos da vida, apenas administradores. O sofrimento faz parte da vida, precisamos apenas saber que ele é passageiro. É preciso ter resiliência”.

O Padre lembrou a relevância da acolhida e respeito às pessoas que sofrem e também de seus familiares. “Cuidar da vida, é uma tarefa de todos. Todos podemos ajudar. Primeiro colocando nossa vida a serviço do bem; depois desenvolver a empatia de acolher, ouvir, perdoar e amar o próximo”. Assim, uma das dicas para quem conhece alguma pessoa que está com pensamentos suicidas é de criar uma “rede” para que mais pessoas tenham consciência do que está acontecendo com a pessoa e para que cada um posso ajudar de alguma maneira.

Por fim, para uma vida saudável, o palestrante comentou que precisamos qualificar a nossa saúde corporal, psíquica e espiritual através do cultivo de uma Espiritualidade Saudável; estudo, leitura, busca de informações; viver com menos, desapegar; evitar fofocas e comparações; capacidade de humor; humildade e simplicidade.

Texto e fotos: Assessoria de Comunicação UFSM-PM

 

41916743 2120701291477640 8632735513062670336 n

41755206 2156174241316427 4347924234169745408 n



Publicações Recentes