Ir para o conteúdo Palmeira das Missões Ir para o menu Palmeira das Missões Ir para a busca no site Palmeira das Missões Ir para o rodapé Palmeira das Missões
  • Acessibilidade
  • Sítios da UFSM
  • Área restrita

Aviso de Conectividade Saber Mais

Início do conteúdo

Reitor da UFSM participa de Recepção Institucional no campus de Palmeira das Missões



O reitor salientou a importância da comunidade acadêmica ter o sentimento de pertencimento à universidade

Foram realizadas na última quinta-feira(12) as recepções institucionais aos calouros(as) dos cursos diurnos e noturno do campus de Palmeira das Missões.

No período da tarde, os estudantes participaram da Recepção Institucional para conhecer o funcionamento da universidade e tirar as principais dúvidas. Para abrir o evento, a Companhia de Dança da UFSM, de Santa Maria, apresentou um fragmento do trabalho “A Voz do Tempo”, coordenado pela professora Tatiana Wonsik Recompenza Joseph.

Em seguida, o reitor da Universidade Federal de Santa Maria, professor Paulo Burmann, deu as boas-vindas aos recém-chegados no campus e lembrou que este é o ano em que a UFSM completa 60 anos, convidando para que todos(as) participem das atividades alusivas à data que terá uma programação acadêmica, artística, política, científica e cultural para toda a universidade e para os campi.

Fragmento da apresentação da Cia. de Dança da UFSM “A Voz do Tempo”

O reitor destacou os avanços já conquistados no campus de Palmeira das Missões e o quanto a unidade é uma das mais produtivas. Burmann salientou que isso ocorre devido ao trabalho e empenho de todos(as) e que é importante que esse ritmo de comprometimento com a universidade continue. “É também por isso que nós estamos aqui, para tentar envolver e comprometer tantos quantos ainda não têm essa leitura institucional da atividade que nós desenvolvemos: o que eu faço, o que você faz, o que o estudante faz, em cada uma das nossas ações. Precisamos começar a perceber o quão importante é aquilo que nós fazemos no dia a dia e o que essa simples atividade que desenvolvemos pode influenciar positivamente no futuro do nosso campus, no futuro da nossa universidade”.

Burmann comentou também sobre a importância de, cada vez mais, haver uma ampliação do sentimento de pertencimento à universidade. “Esta é uma universidade pública, gratuita, de qualidade, todos nós batemos no peito orgulhosamente e quando falamos isso falamos com convicção. Essa universidade pertence a todos nós, mas essa universidade também precisa ser sentida como sua pela comunidade onde nós estamos inseridos”, completou.

O Diretor do campus, professor Rafael Lazzari, destacou a importância dos alunos em participarem de todas as atividades oferecidas pela universidade

O diretor do campus de Palmeira das Missões, professor Rafael Lazzari, comentou que, como universidade pública, apesar de todos os cenários financeiros e econômicos, é preciso ter orgulho de tudo o que já foi feito. “Nós completamos, esse ano, 14 anos de existência. Formamos mais de 1400 jovens só aqui em Palmeira das Missões e tudo isso é importante porque quando vocês entram esse é o dia, eu diria, mais feliz para nós aqui da universidade, que é o dia da entrada de vocês aqui. O segundo dia mais feliz e vocês vão entender quando vocês viverem, é o dia da formatura, é o dia que vocês saem, felizes por conseguirem um sonho, uma meta e, daqui um tempo vocês vão dizer, bah, como eu era feliz e não sabia dentro da universidade”.

Recepção aos calouros(as) do curso de Ciências Econômicas, oferecido no período noturno

O diretor ainda lembrou os alunos que o curso superior vai além da sala de aula, pois contempla também a participação nos projetos, nas gincanas, nas atividades estudantis e salientou que professores e técnicos estão aqui para atender a todos(as).

Assessoria de Comunicação UFSM-PM


Publicações Recentes