Pular para o conteúdo
Português English Español Français Italiano

Redes Sociais

Início do conteúdo

UFSM organiza espetáculo “Multiversidade” com artistas da Universidade

Dar visibilidade às diferentes linguagens artísticas produzidas no âmbito da Universidade. Este é o objetivo principal do espetáculo “Mostra Artística Multiversidade”, que será realizado no dia 23 de junho, às 19h, no Centro de Convenções. Reunindo apresentações de dança, teatro, circo, música e audiovisual, o evento irá marcar o início do programa cultural de inauguração do mais novo espaço de eventos de Santa Maria.

03bea18e 00af 4dc2 8ba2 05c77b6656c2

Sete atrações vão compor o programa do espetáculo Multiversidade, que tem direção geral da professora do Departamento de Artes Cênicas da UFSM Raquel Guerra. Na programação musical, a Banda Sinfônica da UFSM apresentará um repertório variado, sob regência dos maestros João Batista Sartor e Diego Ramires Leite, executando composições que vão de Aaron Copland a Hermeto Pascoal. O curta-metragem “Sob a Ótica dos Deuses” será a atração audiovisual. Dirigido por Gelton Quadros e produzido pelo Estúdio 21, com orientação do professor Luciano Mattana, o filme de ficção faz referência a dois ícones do cinema mundial: Alfred Hitchcock e Quentin Tarantino.

As artes cênicas trarão ao espetáculo dois números inspirados nas artes circenses. A dupla de palhaças do espetáculo “As Irmãs Pulgas”, com criação de Natália Dolwitsch e Raquel Guerra, fará uma intervenção cômica, prestando homenagem às personagens clássicas do circo. Já o grupo Circo Bambo apresentará um número com acrobacias, bambolê e mais palhaçaria.

Serão apresentados, ainda, três números de dança. O DTG Noel Guarany, formado por estudantes da UFSM e coordenado pelo professor Luciano Zucuni Pes, executará danças e músicas tradicionais gaúchas. O Laboratório Investigativo de Criações Contemporâneas em Dança (LICCDA), coordenado pelo professor Odailso Berté, trará um fragmento do espetáculo “FeridaCalo”, que, combinando dança contemporânea e um figurino ousado, apresenta um pouco da vida e obra da artista mexicana Frida Kahlo. Por fim, o número de dança “Corpos Contemporâneos”, orientado pela professora Carlise Scalamato Duarte, provocará uma reflexão acerca dos diferentes tipos de corpos e os padrões estéticos impostos pela sociedade.

Conforme a diretora geral do espetáculo, o evento terá como grande destaque a diversidade de atrações. “A produção artística da UFSM é muito diversa. São vários cursos, laboratórios, projetos e grupos de pesquisa que já costumam promover espetáculos ao longo do ano. A Mostra vai ser uma oportunidade de encontro e compartilhamento entre as diferentes áreas e estilos”, avalia Raquel Guerra. A professora também salienta a importância do espetáculo para a formação do público, que terá a chance de fruir e conhecer diferentes modalidades artísticas em uma única ocasião.

Planejado desde o ano passado por diversos professores do Centro de Artes e Letras da UFSM, a intenção, de acordo com Raquel, é que o Multiversidade se consolide como uma mostra permanente dos repertórios artísticos da UFSM e como uma forma de trazer a comunidade santa-mariense para prestigiar arte. “Este será o primeiro, mas nós queremos constituí-lo como permanente, como uma forma de ocupar e valorizar o Centro de Convenções, um espaço cuja arquitetura foi pensada e planejada para evidenciar a produção artística”.

Ingressos – O espetáculo Multiversidade será aberto a toda a comunidade, com entrada franca. Grupos e escolas de Santa Maria e região podem fazer agendamentos para participação, por meio do telefone (55) 3220-8700.

Na ocasião, a organização do evento estará recebendo doações de agasalhos e alimentos não perecíveis, que serão repassados às comunidades atendidas por meio das ações sociais desenvolvidas pela Pró-Reitoria de Extensão da Universidade.

Banda Sinfônica da UFSM

Projeto de extensão vinculado ao Departamento de Música da UFSM, sob a regência dos professores João Batista Sartor, Diego Ramires Leite e Clayton Miranda. Efetivada em 2017, a Banda Sinfônica é uma ampliação da Orquestra de Sopros da UFSM, atuante entre os anos de 2006 e 2012. Atualmente, a banda com 35 musicistas de flauta, oboé, clarinete, clarone, saxofone, trompete, trompa, trombone, eufônio, tuba, contrabaixo e percussão, os quais realizam ensaios semanais de um repertório eclético que engloba estilos como erudito, trilhas de filmes, jazz, música popular brasileira e internacional, com destaque para as obras originais compostas para a formação de banda sinfônica.

Sob a Ótica dos Deuses

O projeto do curta-metragem “Sob a Ótica dos Deuses” surgiu em 2014, a partir de uma atividade didática no Curso de Comunicação Social da UFSM. Roteirizado por Gelton Quadros, produzido pelo Estúdio 21 e com coprodução da Cia Teatro no Buraco de Santa Maria, o curta de ficção buscou referências em dois grandes cineastas: Alfred Hitchcock e Quentin Tarantino.

As Irmãs Pulga

Projeto da parceria artística entre Raquel Guerra e Natália Dolwitsch, do Curso de Teatro da UFSM, o espetáculo “As Irmãs Pulgas” intercala o trabalho em sala de ensaio e laboratórios com o público, desenvolvido em escolas e eventos. No espetáculo, cujo enredo apresenta a história de duas pulgas siamesas que trabalham em um circo, evidenciam-se as pesquisas com as técnicas circenses, como as acrobacias, a manipulação de bambolês e a dupla de palhaças.

161a236f 8e3d 4e33 a498 3fd65bbb4df5

Circo Bambo

Resultado da disciplina de Técnicas Circenses, do Curso de Artes Cênicas da UFSM, o grupo é formado por estudantes da Universidade. O espetáculo reúne uma variedade de números circenses, como acrobacias, bambolê e palhaçaria.

FeridaCalo
Espetáculo desenvolvido pelo Laboratório Investigativo de Criações Contemporâneas em Dança (LICCDA), do Curso de Dança – Licenciatura da UFSM, coordenado pelo professor Odailso Berté. Desde 2014, o grupo vem desenvolvendo pesquisas e experimentações artísticas com imagens referentes à vida e obras da pintora mexicana Frida Kahlo (1907-1954). O espetáculo dialoga de modo íntimo com a dança, estruturando uma dramaturgia ousada, metafórica e contemporânea. As cenas não contam uma história linear, mas sugerem imagens provocativas, no intuito de instigar a reflexão e interpretação do público.

Corpos Contemporâneos

Desenvolvida na disciplina de Fundamentos da Produção de Espetáculo do curso de Dança – Licenciatura da UFSM, sob orientação da professora Carlise Scalamato Duarte, a atração inspira-se nos conceitos de corpo remodelado, ciborgue, avatar e mutante, trazendo à cena diferentes tipos de corpos e desvelando padrões estéticos impostos pela sociedade da cultura de massa.

DTG Noel Guarany

Fundado em 22 de novembro de 2005, o Departamento de Tradições Gaúchas Noel Guarany é um Programa de Extensão da UFSM, criado com o intuito de congregar os estudantes oriundos de diversos municípios do Brasil, através das tradições gaúchas, de uma forma sadia e responsável. O DTG é filiado ao Movimento Tradicionalista Gaúcho (MTG) desde 2009, como Entidade Plena Estudantil. Em 2016, o grupo de danças do DTG conquistou, pela primeira vez, um troféu no Encontro de Artes e Tradição Gaúcha (Enart), como 3º melhor grupo na modalidade Danças Tradicionais – Força B.