Ir para o conteúdo Ir para o menu Ir para a busca Ir para o rodapé
  • Acessibilidade
  • Sítios da UFSM
  • Área restrita
Início do conteúdo

Projeto Retalhos da Memória de Santa Maria – artigo 008 Implantação do COREDE Central



Fotografia em preto e branco, plano aberto, de um palco com 14 homens em pé, atrás de uma grande mesa coberta com uma faixa branca na parte frontal, onde está escrito “Implantação do COREDE Central”. Ao centro, o Governador Alceu Collares. Sobre a mesa, à esquerda, um microfone com suporte e, ao centro, flores. Diante de cada um, copos e garrafas. Ao fundo, três bandeiras.

O Conselho Regional de Desenvolvimento (COREDE) é um fórum de discussão sobre as políticas e ações que visem o desenvolvimento regional. De acordo com a Lei nº 10.283, de 1994, um Conselho Regional têm como objetivo articular o desenvolvimento regional harmônico e sustentável, a integração dos recursos e das ações do governo na região, a melhoria da qualidade de vida da população, a distribuição da riqueza produzida, o estímulo à permanência do homem em sua região e a preservação e recuperação do meio ambiente.

O COREDE Centro foi implantado em 1991 em Cachoeira do Sul e abrangia 23 municípios pertencentes à associação do Vale do Jacuí e do Vale do Jaguari, considerado uma fonte geradora de poder da região. Além da instalação, também ocorreu a posse de Tabajara Gaúcho da Costa, Reitor da UFSM na época. Os primeiros presidentes do Conselho eram professores da Universidade.

Na época, o COREDE tinha sua importância destacada em reportagens de jornais, pois se esperava que o Conselho resgatasse a credibilidade da população nas instituições Universitárias. A condição para a implantação era que o COREDE não teria sede fixa, mas que cada reunião fosse realizada em uma cidade da região Central, relacionada ao conselho. Nessas reuniões eram tratados temas como a política de transporte do Estado.

 A UFSM voltou a assumir a coordenação do Conselho em 2014. Foi eleito presidente o coordenador de Empreendedorismo da Agência de Inovação e Transferência Tecnológica, Silon Procath da Silva. De acordo com o reitor Paulo Afonso Burmann, o propósito da Universidade é que ela esteja mais envolvida nas questões do desenvolvimento regional: “É a retomada de uma das relações mais estreitas da UFSM com a comunidade”.                                                                                       

Para o site da UFSM o atual Presidente Silon Procath afirmou que durante sua gestão (2014-2016), tem como meta “planejamento estratégico, promover áreas e projetos prioritários para o desenvolvimento regional, ampliar a interação entre órgãos públicos, especialmente universidades, e a comunidade potencializando projetos estratégicos para a região”.

Texto: Kátia Suelem Moreira, acadêmica do 4° semestre do Curso de Jornalismo.

Audiodescrição da imagem: Fotografia em preto e branco, plano aberto, de um palco com 14 homens em pé, atrás de uma grande mesa coberta com uma faixa branca na parte frontal, onde está escrito “Implantação do COREDE Central”. Ao centro, o Governador Alceu Collares. Sobre a mesa, à esquerda, um microfone com suporte e, ao centro, flores. Diante de cada um, copos e garrafas. Ao fundo, três bandeiras.

Comissão de Audiodescrição da UFSM.

Artigo em Libras


Publicações Recentes