Ir para o conteúdo Ipê Amarelo Ir para o menu Ipê Amarelo Ir para a busca no site Ipê Amarelo Ir para o rodapé Ipê Amarelo
  • Acessibilidade
  • Sítios da UFSM
  • Área restrita

Aviso de Conectividade Saber Mais

Início do conteúdo

UEIIA como espaço formativo em 2020



O ano de 2020 foi bastante atípico para todas as pessoas e instituições. Com a Ipê Amarelo não foi diferente. Cheias de incertezas, sentimos a todo momento a necessidade de nos reinventar. Desde março, quando foi decretado o isolamento social e o fechamento da universidade e das escolas, procuramos sempre manter os vínculos com as crianças, as famílias e a comunidade.

Também foi sempre uma preocupação nossa fazer deste um momento de aprendizagens.

Nesse sentido, realizamos diversas ações, como os webinários em parceria com a Secretaria Municipal de Educação de Santa Maria (1, 2, 3). 

Organizamos seis webinários nacionais comemorativos aos 31 anos da Ipê, com o objetivo de divulgar nosso trabalho e qualificar a interlocução com professores de diferentes redes e sistemas de ensino, com profissionais da Educação Infantil, com acadêmicos de diferentes cursos e de diferentes estados brasileiros.

Fomos convidadas diversas vezes a participar do projeto “UFSM comigo em casa” da Pró-Reitoria de Extensão da UFSM. Infelizmente, nem todas as participações ficaram gravadas, mas ainda estão disponíveis “Sentimentos da crianças na quarentena”, com a psicóloga Camila Schmitt Pires,  “Diferentes possibilidades de contar e criar histórias com as crianças”, com a professora Cláucia Honnef, e “Materiais não estruturados e o processo criativo das crianças”, com as professoras Jucemara Antunes e Karine Weber. 

Participamos do webinário “Percorrendo o Brasil”, junto às demais Unidades Universitárias Federais de Educação Infantil e Escolas de Aplicação, divulgando nossas ações, buscando conhecer as ações de outros contextos e realidades. Em agosto, iniciamos uma série de webinários para aproximar essas instituições. Antes de percorrer o Brasil, porém, realizamos uma abertura memorável com os estudiosos portugueses João Formosinho e Júlia Formosinho. Realizamos ampla divulgação e tivemos amplo alcance: foram 18 universidades de 12 estados brasileiros, em um total de 66 apresentações. Contamos com a presença de mais 30 intérpretes de LIBRAS. Quase 3 mil participantes de pelo menos cinco países receberão certificação. Foram diálogos sobre temas importantes e houve muito aprendizado. Tivemos presenças ilustres, dentre as quais destacamos Enrico Rodrigues de Freitas, procurador da república, e Rita Coelho, protagonista da regularização das Unidades de Educação Infantil nas IFES e a quem dedicamos nossa gratidão. Nesse período, tivemos mais de 37 mil visualizações e quase 2 mil novas inscrições no canal da ANUUFEI. Foi realmente um trabalho de equipe, com a participação de uma ampla comissão organizadora. 

Também junto às  Unidades Universitárias Federais de Educação Infantil e Escolas de Aplicação, realizamos reuniões com as gestões e organizamos três encontros internos para divulgar, discutir e estudar possibilidades para a Educação Infantil das IFES em tempos de pandemia.

Fomos parceiros do Fórum Gaúcho de Educação Infantil, do Fórum da Região Central de Educação Infantil e de outros fóruns. 

Assim, buscamos realizar um trabalho de consolidação da UEIIA como espaço formativo com as redes, sistemas, instituições federais, secretarias de educação e com acadêmicos de diferentes cursos e centros de ensino.






Publicações Recentes