Ir para o conteúdo PPPG Ir para o menu PPPG Ir para a busca no site PPPG Ir para o rodapé PPPG
  • Acessibilidade
  • Sítios da UFSM
  • Área restrita

Aviso de Conectividade Saber Mais

Início do conteúdo

Mestrado Profissional em Políticas Públicas e Gestão Educacional

MESTRADO PROFISSIONAL EM POLÍTICAS PÚBLICAS E GESTÃO EDUCACIONAL

O curso de Pós-Graduação em Políticas Públicas e Gestão Educacional está localizado em Campus Camobi – UFSM na modalidade Mestrado – Presencial sendo Diurno o seu turno de funcionamento. A área de conhecimento do curso é classificada como Educação. Atualmente, a coordenação é de responsabilidade de LEANDRA BOER POSSA e a coordenação substituta de ELISIANE MACHADO LUNARDI.

Informações do Curso

MESTRADO PROFISSIONAL EM POLÍTICAS PÚBLICAS E GESTÃO EDUCACIONAL – MP (1125)

O Mestrado Profissional em Políticas Públicas e Gestão Educacional é oferecido na modalidade presencial, introduzindo na sua organização pedagógica e curricular a possibilidade da modalidade semipresencial, não ultrapassando 20% (vinte por cento) da carga horária total do Curso.

O Curso é de carácter permanente, sendo que a carga horária para conclusão e obtenção do título de Mestre em Políticas Públicas e Gestão Educacional é de 25 (vinte e cinco) créditos, totalizando 375 (trezentas e setenta e cinco) horas.

  • 6 créditos em disciplinas obrigatórias do Núcleo Básico (NB);
  • 4 créditos nos Seminários de Orientação I e II que são disciplinas obrigatórias do curso;
  • 7 créditos do Núcleo Integrador (NI), de acordo com a linha de pesquisa;
  • 8 créditos do Núcleo de Aprofundamento (NA).

A área de concentração do Curso é “Políticas Públicas e Gestão Educacional”.

As linhas de pesquisa, nas quais serão realizadas as Dissertações de Mestrado, estão vinculadas à área de concentração do Programa e são respectivamente:

I – Linha de Pesquisa 1 (LP1): Políticas e Gestão da Educação Básica e Superior

II – Linha de Pesquisa 2 (LP2): Gestão Pedagógica e Contextos Educativos

O Plano de Estudos deve ser aprovado pela Coordenação do Curso antes da realização da matrícula para o segundo semestre letivo. Para realizar o preenchimento, acesse o Tutorial de Preenchimento do Plano de Estudos.

Para abrir o processo de defesa de MDT (ao final do curso), é necessário que o discente tenha concluído todas as disciplinas que estiverem inclusas no Plano de Estudos. Uma vez aberto o processo de defesa de MDT, não será mais possível realizar alterações no Plano de Estudos.

A Docência Orientada é um componente curricular não obrigatório que poderá fazer parte do Plano de Estudo do mestrando/a em acordo com o professor/a orientador/a.

Para realização de Docência Orientada, o professor/a orientador/a ofertará a disciplina e o estudante realizará matrícula.

Para a efetivação da disciplina o estudante e orientador/a apresentará ao Colegiado do PPPG, para aprovação um Plano de Docência Orientada entre a primeira e a terceira reunião do semestre.

Após a realização da Docência Orientada, para o encerramento da atividade e da disciplina o discente com anuência do orientador deverá elaborar o Relatório de Docência Orientada e encaminhá-lo para aprovação no tempo entre a primeira e a terceira reunião da Comissão Colegiada do semestre subsequente.

Para o encaminhamento do Plano de Docência Orientada, é necessária a abertura de um Processo Eletrônico (PEN). O relatório será anexado ao mesmo processo no final da disciplina. O passo a passo para abertura e encaminhamentos do Processo de Docência Orientada está disponível no Tutorial de Abertura do Processo de Docência Orientada. Nele também consta o fluxo do processo.

OBS.: O total de Carga Horária para atuação do estudante em Docência Orientada será de 30% da carga horária total da componente curricular, podendo esta ser disciplinas ministrada pelo Orientador/a na graduação presencial ou EaD.

– MODELO DE PLANO DE DOCÊNCIA ORIENTADA

– MODELO DE RELATÓRIO DE DOCÊNCIA ORIENTADA

Aproveitamentos

O discente pode solicitar aproveitamento de créditos obtidos em disciplinas realizadas em outros cursos de Pós-Graduação.

Para solicitar a dispensa de disciplina(s), são necessários os seguintes documentos:

 O passo a passo para realização do procedimento via PEN-SIE está disponível na página da PRPGP, em Dispensa/Aproveitamento de disciplinas de Pós-Graduação.

O discente de Pós-Graduação em nível de Mestrado deve comprovar suficiência em uma língua estrangeira, por meio de Teste de Suficiência em Língua Estrangeira realizado na UFSM ou em outra Instituição de Ensino Superior (IES).

Para realizar a solicitação de aproveitamento/dispensa, o discente precisa dos seguintes documentos:

O passo a passo para realização do procedimento via PEN-SIE, está disponível no site da PRPGP, em Comprovação de Suficiência em língua estrangeira.

As línguas estrangeiras aceitas para comprovação da suficiência são: alemão, espanhol, francês, inglês e italiano.

Uma vez homologada pela Coordenação do Programa, a comprovação de suficiência em língua estrangeira constará no histórico escolar do discente.

Solicitação de Prorrogação de Prazo de Qualificação/Defesa

Por solicitação justificada, os prazos máximos para qualificação e conclusão do curso de Mestrado, poderão ser prorrogados, mediante aprovação da Comissão Colegiada.

O pedido de prorrogação de qualificação deve ser encaminhado via email (pppg@ufsm.br), contendo a Solicitação de Prorrogação de Prazo de Qualificação devidamente preenchida e assinada. Fica a critério do discente a anexação de quaisquer documentos comprobatórios da justificativa.

A prorrogação de qualificação não altera os prazos de defesa final.

Processo de prorrogação de prazo para defesa de dissertação ou tese pode ser aberto pelo discente no Portal Documentos da UFSM.

  • Menu Novo > Processo> seleciona o PEN com tipo documental “Processo de prorrogação de prazo para defesa de dissertação/tese (134.333)

Fluxo correto da abertura do PEN de prorrogação de prazo para defesa:
Discente > Orientador > Curso/Colegiado > Núcleo de Controle Acadêmico da Pós-Graduação da PRPGP.

Procedimento: discente abre o PEN anexando o requerimento de prorrogação de prazo Stricto Sensu e demais documentos em formato PDF legível, tramita para o(a) orientador(a) e este tramita ao Curso para análise do Colegiado.

Qualificação/Defesa de Dissertação e Entrega de Documentação Final

O processo de qualificação do Curso de Mestrado Profissional em Políticas Públicas e Gestão Educacional se destina ao estudante regularmente matriculado do Curso e deverá acontecer entre 12 a 18 meses do ingresso no curso, tendo cumprido 75% dos créditos e logrado aprovação no teste de suficiência em pelo menos uma língua estrangeira.

Para solicitar a qualificação do projeto de dissertação, o aluno deverá encaminhar por email (pppg@ufsm.br), os seguintes documentos:

O requerimento de qualificação deve ser encaminhado com, pelo menos, 20 dias de antecedência. Além disso, deve estar devidamente preenchido e assinado pelo aluno e seu orientador.

A documentação para a realização da qualificação será encaminhada ao orientador por email e a coleta de assinaturas é de responsabilidade do mesmo.

A reserva de salas para realização de bancas de defesa é realizada diretamente com o Núcleo de Infraestrutura do Centro de Educação, conforme instruções disponíveis no Memorando Circular 002/2023.

O processo de defesa final do Curso de Mestrado Profissional em Políticas Públicas e Gestão Educacional se destina ao estudante regularmente matriculado do Curso e acontecerá em até 24 meses após o ingresso no curso, tendo cumprido 100% dos créditos e qualificado com êxito a proposta de pesquisa.

Para a solicitação de defesa final de dissertação no Curso de Mestrado Profissional em Políticas Públicas e Gestão Educacional, o estudante deverá:

  • encaminhar via email (pppg@ufsm.br) o Requerimento de Banca de Defesa devidamente preenchido e assinado pelo aluno e seu orientador;
  • solicitar e tramitar, via Portal do Aluno, a defesa final. O orientador deverá revisar e tramitar a solicitação para a coordenação do PPPG, a qual deverá revisar e tramitar para o Controle Acadêmico ou estornar para ajustes se necessário.
Orienta-se que a Banca seja constituída por quatro professores doutores em Educação ou áreas afins (três professores titulares, incluindo o orientador, e mais um suplente) e que, além do orientador, pelo menos um integrante da Banca seja lotado ou possua aderência com o Centro de Educação da UFSM. Necessariamente, a Banca deverá contar com um professor titular externo à UFSM.

A documentação para a realização da defesa será encaminhada ao orientador por email e a coleta de assinaturas é de responsabilidade do mesmo. 

Caso encontre alguma dificuldade no processo de abertura de Defesa de MDT via Portal do Aluno, acesse o Tutorial de Solicitação de Defesa Final de MDT.

A reserva de salas para realização de bancas de defesa é realizada diretamente com o Núcleo de Infraestrutura do Centro de Educação, conforme instruções disponíveis no Memorando Circular 002/2023.

Situações que podem ocasionar o impedimento de solicitação de Defesa de MDT via Portal do Aluno:

– Possuir alteração no Plano de Estudos que ainda não foi homologada pela Coordenação;

– Diferenças entre o Histórico Escolar e o Plano de Estudos;

– Multa em biblioteca.

Após a aprovação na defesa final do Mestrado Profissional, o discente deve realizar o ato de entrega de MDT. Conforme regulamentação da PRPGP, o ato de entrega é realizado via PEN. O passo a passo está disponível no Tutorial – Ato de Entrega de MDT – PRPGP.

Os seguintes documentos deverão ser entregues:

  • Cópia da Dissertação em PDF
  • Cópia do Produto Educacional (Tipo Documental: Produto de pesquisa de dissertação/tese (134.334)) (ainda que esteja dentro da dissertação, é necessário incluir um arquivo contendo apenas o produto)
  • Termo de Autorização para Disponibilização (Biblioteca)
  • Cópia do Artigo Submetido
  • Comprovante de Submissão do Artigo (em periódico qualis na área da Educação, no mínimo B2)
  • Currículo Lattes (atualizado no mês da entrega)

Caso haja necessidade de urgência, deve ser encaminhado o Formulário de Solicitação de Urgência na Emissão do Diploma.

Observações:

  • Caso o discente ainda não possua assinatura eletrônica cadastrada, consulte o Guia de Cadastro de Assinatura Eletrônica – PEN.
  • O envio da dissertação via PEN dispensa as assinaturas do orientador e dos membros da Comissão Examinadora na Folha de Aprovação no arquivo do trabalho. A ata de defesa assinada substituirá as assinaturas da Folha de Aprovação (mas a ata de defesa não deve ser anexada pelo aluno ou o processo será devolvido).
  • O arquivo da dissertação não deve ser assinado no PEN, nem pelo(a) orientador(a) nem pelo discente.
  • A dissertação deve conter Ficha Catalográfica
  • Todos os documentos da lista devem ser anexados via processo
12