Ir para o conteúdo Ir para o menu Ir para a busca Ir para o rodapé
  • Acessibilidade
  • Sítios da UFSM
  • Área restrita
Início do conteúdo

Projeto Retalhos da Memória de Santa Maria – artigo 079 Inauguração da Sala de Redação da Revista O Quero-Quero em 1975



Fotografia horizontal em preto e branco de sete pessoas lendo revistas em um ambiente fechado. As pessoas estão enquadradas do joelho para cima, de perfil esquerdo, e enfileiradas lateralmente, de costas para uma parede, à direita. Destas, seis estão de cabeça baixa, com expressão concentrada, lendo revistas que seguram com os braços ligeiramente dobrados em frente ao corpo. São três homens e quatro mulheres, na faixa etária de 20 a 30 anos. Em primeiro plano, da frente para o fundo, homem de pele clara, alto, com camisa escura, casaco claro de zíper e relógio de metal no pulso esquerdo, segurando embaixo do braço uma carteira retangular e escura. Tem cabelo escuro, ondulado e curto e usa óculos escuros, modelo Ray-Ban. O segundo homem tem pele clara, é mais baixo que o primeiro e usa aliança na mão esquerda. Ele veste um sobretudo escuro, com padrões de círculos sobrepostos e camisa clara; tem barba e cabelo escuros e usa óculos de lentes matizadas. A revista, que segura entreaberta, exibe a fotografia de uma calculadora. Na sequência, as mulheres estão reunidas em um grupo. A primeira tem pele clara, cabelo liso, longo e claro e casaco escuro; a próxima tem a pele clara, cabelo curto e escuro com uma blusa de gola alta clara e blazer escuro; a terceira tem pele clara e cabelo escuro, usando blusa de gola alta com listras horizontais sob casaco claro de lã com calças escuras; e a última mulher tem o cabelo escuro e ondulado, vestindo blusa escura de mangas compridas e calça jeans. Ao fundo, um rapaz alto, com expressão sorridente e braços cruzados em frente ao corpo, que veste uma camisa de gola clara sob um jaleco comprido e claro com três botões fechados. Ele tem pele clara e cabelo escuro e volumoso atrás, no estilo mulet. Na parede, ao fundo, uma estante de madeira, com 3 prateleiras largas contendo pilhas da revista distribuída. O teto é claro, rebaixado e formado por placas retangulares, com uma viga de madeira e um cano escuro que se encontram, perpendicularmente, acima da cabeça do rapaz de jaleco.

O periódico O Quero-Quero surgiu em abril de 1973, impresso em preto e branco, no formato standart, com o objetivo ser o órgão oficial de divulgação da Universidade Federal de Santa Maria, capaz de informar estudantes, professores e funcionários da UFSM e a comunidade externa sobre os acontecimentos da instituição. A diagramação inicial foi do escritor e jornalista José Bicca Larré, a direção de Paulo Carús Juliani e redação-geral de Saulo Sérgio Dalfollo. Em setembro de 1974 transformou-se em revista, sendo o poeta, jornalista e funcionário da UFSM Antônio Carlos Arbo seu editor chefe por nove anos. O periódico tinha 50 páginas com capa colorida, sua periodicidade era de quatro revistas por ano e a composição/impressão da tiragem de 5.000 exemplares ficava a cargo da Imprensa Universitária. A última edição a sair da prensa foi no início de 1984.

Texto: Cristina Strohschoen dos Santos, Arquivista do Departamento de Arquivo Geral da UFSM.

Audiodescrição da imagem: Fotografia horizontal em preto e branco de sete pessoas lendo revistas em um ambiente fechado. As pessoas estão enquadradas do joelho para cima, de perfil esquerdo, e enfileiradas lateralmente, de costas para uma parede, à direita. Destas, seis estão de cabeça baixa, com expressão concentrada, lendo revistas que seguram com os braços ligeiramente dobrados em frente ao corpo. São três homens e quatro mulheres, na faixa etária de 20 a 30 anos. Em primeiro plano, da frente para o fundo, homem de pele clara, alto, com camisa escura, casaco claro de zíper e relógio de metal no pulso esquerdo, segurando embaixo do braço uma carteira retangular e escura. Tem cabelo escuro, ondulado e curto e usa óculos escuros, modelo Ray-Ban. O segundo homem tem pele clara, é mais baixo que o primeiro e usa aliança na mão esquerda. Ele veste um sobretudo escuro, com padrões de círculos sobrepostos e camisa clara; tem barba e cabelo escuros e usa óculos de lentes matizadas. A revista, que segura entreaberta, exibe a fotografia de uma calculadora. Na sequência, as mulheres estão reunidas em um grupo. A primeira tem pele clara, cabelo liso, longo e claro e casaco escuro; a próxima tem a pele clara, cabelo curto e escuro com uma blusa de gola alta clara e blazer escuro; a terceira tem pele clara e cabelo escuro, usando blusa de gola alta com listras horizontais sob casaco claro de lã com calças escuras; e a última mulher tem o cabelo escuro e ondulado, vestindo blusa escura de mangas compridas e calça jeans. Ao fundo, um rapaz alto, com expressão sorridente e braços cruzados em frente ao corpo, que veste uma camisa de gola clara sob um jaleco comprido e claro com três botões fechados. Ele tem pele clara e cabelo escuro e volumoso atrás, no estilo mulet. Na parede, ao fundo, uma estante de madeira, com 3 prateleiras largas contendo pilhas da revista distribuída. O teto é claro, rebaixado e formado por placas retangulares, com uma viga de madeira e um cano escuro que se encontram, perpendicularmente, acima da cabeça do rapaz de jaleco.

Audiodescritora roteirista: Gléce Kurzawa Cóser

Audiodescritor consultor: Cristian Sehnem

Artigo em Libras


Publicações Recentes