Ir para o conteúdo PRE Ir para o menu PRE Ir para a busca no site PRE Ir para o rodapé PRE
  • Acessibilidade
  • Sítios da UFSM
  • Área restrita

Aviso de Conectividade Saber Mais

Início do conteúdo

UFSM participará do Projeto Rondon 2022 com equipe do campus Frederico Westphalen

Equipe atuará na Operação Amapá Mais Forte, no extremo norte do Brasil



Durante o mês de fevereiro, professores e estudantes da Universidade Federal de Santa Maria campus Frederico Westphalen (UFSM FW) participarão, acompanhados de outras instituições de ensino superior do país, da Operação Amapá Mais Forte, promovida pelo Projeto Rondon. A iniciativa, coordenada pelo Ministério da Defesa, tem como propósito contribuir com o desenvolvimento social e de cidadania das comunidades e das instituições participantes.

Reunião do comitê Rondon do Município de Mazagão (AP). A ação faz parte das atividades precursoras da operação Amapá mais Forte

Ao todo, a Operação Amapá Mais Forte atenderá 11 municípios no norte do Brasil. A equipe frederiquense, selecionada por meio de um edital da Pró-Reitoria de Extensão (PRE), atuará na cidade de Mazagão, região sul do estado do Amapá (AP), junto a outra equipe do Centro Universitário do Espírito Santo (UNESC). “A expectativa é grande, nos preparamos muito para proporcionar o melhor para as pessoas que estarão nos recebendo”, destaca a graduanda em Relações Públicas e integrante da equipe, Maria Gabrielle Sousa.

O projeto Rondon se caracteriza pelas suas ações multiplicadoras, assim, nos últimos 16 anos, mais de 85 operações já foram realizadas, capacitando mais de 2 milhões de pessoas em diversas comunidades do Brasil. “Nós levamos alternativas, melhorias e, até mesmo, melhoria de vida”, afirma a professora coordenadora do projeto da UFSM FW, Gizelli Moiano.

Durante o mês de janeiro, os graduandos de Agronomia, Engenharia Ambiental e Sanitária, Engenharia Florestal e Relações Públicas finalizam as oficinas que serão desenvolvidas junto à cidade de Mazagão (AP). As capacitações foram pensadas para o alcance equitativo e igualitário na comunidade. “Construímos uma proposta dinâmica e atrativa que será capaz de atender diferentes públicos, desde crianças até idosos”, destaca o professor da UFSM FW e coordenador do projeto participante da Operação, Edner Baumhardt.

Parceria

Além do Ministério da Defesa, contribuem para a realização do Projeto Rondon os Ministérios da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA); da Educação (MEC); da Cidadania; da Saúde; do Meio Ambiente; do Desenvolvimento Regional; e a Secretaria de Governo da Presidência da República.

Redação e fotos: Equipe Amapá Mais Forte UFSM

Edição: Wellington Hack/Pró-Reitoria de Extensão UFSM

Divulgue este conteúdo:
https://ufsm.br/r-346-6269

Publicações Relacionadas

Publicações Recentes