Pular para o conteúdo
Português English Español Français Italiano
Início do conteúdo

Reitor recebe comitivas de Júlio de Castilhos e Dilermando de Aguiar

Foto colorida horizontal mostra o reitor sentado na cabeceira da mesa, e outras pessoas ao redor
Reitor recebeu comitivas na quinta-feira (11)

Uma comitiva formada por representantes dos municípios de Júlio de Castilhos e Dilermando de Aguiar, além de professores e estudantes da UFSM, foi recebida pelo reitor Paulo Burmann, no Gabinete do Reitor, nesta quinta-feira (11).

O grupo fez a entrega de um convite ao reitor para participação no Dia de Campo: Alternativas para a Agricultura Familiar, a ser realizado no dia 10 de maio, na Escola Estadual de Ensino Fundamental Nossa Senhora Aparecida, na localidade de São João dos Mellos, em Júlio de Castilhos. A UFSM será representada no evento pelos projetos PhenoGlad e Simanihot.

O Dia de Campo: Alternativas para a Agricultura Familiar vai contar com cinco estações, em que serão abordados os temas: forrageiras para alimentação animal; soja e feijão para alimentação humana; microaçude: usos e benefícios na propriedade rural; gladíolo: uso no paisagismo e fonte de renda ao produtor; e silagem de mandioca como alternativa no vazio forrageiro.

O diretor da Escola Nossa Senhora Aparecida, de Júlio de Castilhos, José Alencar Zanon, considerou a realização do Dia de Campo junto à escola como um marco para a comunidade. Ele destacou a importância da presença da Universidade na formação dos estudantes da instituição de ensino, situada na zona rural do município. “Nossos estudantes estão convivendo com professores e estudantes de graduação, mestrado e doutorado. Isso não é pouca coisa. Estamos aprendendo muito com essa parceria com a UFSM”.

Da mesma forma, o prefeito de Júlio de Castilhos, João Vestena, elogiou a atuação da Universidade em prol da inclusão social e no desenvolvimento da região. “Ter a Universidade, seu quadro de pesquisadores, professores e estudantes envolvidos nesse projeto qualifica e dá credibilidade para a comunidade do interior. Isso entusiasma e capacita os jovens para a busca de atividades como essas, que saem da sala de aula e desenvolvem aspectos técnicos”, avaliou Vestena.

A relevância do conhecimento produzido na Universidade para o produtor rural também foi destacada pelo gerente adjunto da Emater Regional. José Renato Lovato Cadó afirmou que a instituição tem realizado muitas ações conjuntas com a UFSM, buscando levar ao campo o conhecimento e a tecnologia desenvolvida na Universidade. “A UFSM tem se aberto bastante para os técnicos da Emater e os produtores rurais. Temos usado a Universidade como nunca. A UFSM produz a tecnologia e nós, extensionistas, temos que fazer com que ela chegue até o produtor”.

Garantindo sua presença no Dia de Campo, o reitor elogiou a iniciativa, destacando o trabalho desenvolvido com os jovens. “Este projeto toca em um ponto muito sensível que é a educação de crianças e jovens. Nós desenvolvemos muitas ações relevantes, mas contribuir com a formação dessa moçada é muito especial. A Universidade precisa estar cada vez mais próxima deste público”.

Burmann reforçou a importância da aproximação entre a UFSM e a comunidade, assim como, também, da sociedade reconhecer e valorizar a universidade pública e suas contribuições para o desenvolvimento da região. “A Universidade só faz sentido quando em contato com a comunidade”, afirmou o reitor.

O professor da UFSM Nereu Streck destacou que a realização do Dia de Campo é resultado de um esforço conjunto entre a UFSM e demais instituições públicas envolvidas, em que cada organização dará sua contribuição para o fortalecimento da agricultura familiar na região. Além da UFSM, também participarão do Dia de Campo a Emater/RS, a Secretaria Municipal de Agricultura, Turismo e Meio Ambiente de Júlio de Castilhos e o Departamento de Diagnóstico e Pesquisa Agropecuária (DDPA), vinculado à Secretaria Estadual da Agricultura, Pecuária e Desenvolvimento Regional.

Estiveram presentes na reunião, o prefeito de Júlio de Castilhos, João Vestena; o chefe de gabinete da prefeitura de Dilermando de Aguiar, Upiragibe Ferrari Pinheiro; o gerente adjunto da Emater Regional de Santa Maria, José Renato Lovato Cadó; o diretor da Escola Nossa Senhora Aparecida, de Júlio de Castilhos, José Alencar Zanon; a diretora da Escola Municipal de Ensino Fundamental Valentim Bastianello, de Dilermando de Aguiar, Luciane Bello. Pela UFSM, participaram do ato o diretor do Centro de Ciências Rurais, Sandro Luis Petter Medeiros, o diretor do Colégio Politécnico, Valmir Aita, e o coordenador dos projetos PhenoGlad e Simanihot, Nereu Streck.

Dilermando de Aguiar – Além do convite para o Dia de Campo em Júlio de Castilhos, o reitor também foi convidado para atividade semelhante que será realizada em agosto, junto à Escola Municipal de Ensino Fundamental Valentim Bastianello, de Dilermando de Aguiar.

A diretora da escola, Luciane Bello, disse que a presença do reitor será um presente para a escola. Segundo ela, a parceria com a UFSM significa “uma forma de dispor para os alunos do interior, que muitas vezes não acesso à informação, um pouco do conhecimento produzido na universidade, oferecer a ele um novo olhar sobre a sua realidade”. Upiragibe Ferrari Pinheiro reforçou o convite, afirmando que a “troca de experiências e o acesso ao conhecimento da Universidade é fundamental para o município”.

Texto e fotos: Assessoria de Comunicação do Gabinete do Reitor