Ir para o conteúdo UFSM Ir para o menu UFSM Ir para a busca no portal Ir para o rodapé UFSM
  • Acessibilidade
  • Sítios da UFSM
  • Área restrita
Início do conteúdo

Senafe e Seinfe reuniram 200 participantes para discutir relação entre violência e educação



A abertura do evento teve a presença da diretora do Centro de Educação, Ane Carine Meurer (ao microfone), e do reitor Paulo Burmann (à sua esq.)

A sexta edição do Seminário Nacional de Filosofia e Educação (Senafe) e a segunda edição do Seminário Internacional de Filosofia e Educação (Seinfe) aconteceram simultaneamente na UFSM nos dias 6, 7 e 8 de novembro, no auditório do Centro de Ciências Rurais. “Escola, Violência e Ética” foi o tema do seminário, que teve por objetivo congregar pesquisas que abordem o tema da violência relacionado à educação, na perspectiva ética.

O seminário é promovido a cada dois anos, pelo Programa de Pós-Graduação em Educação e pelo Programa de Pós-Graduação em Filosofia da UFSM, através do Grupo de Pesquisa Formação Cultural, Hermenêutica e Educação (GPForma), coordenado pelo professor Amarildo Trevisan, e o Grupo de Pesquisa Filosofia, Cultura Juvenil e Ensino Médio (Filjem), da professora Elisete Tomazetti.

O evento trouxe em torno de 12 conferencistas nacionais e internacionais, incluindo palestrantes como os professores Joaquín Paredes, da Universidad Autónoma de Madrid, Jordi Garcia Farrero, da Universitat de Barcelona, e José Pedro Boufleuer, da Universidade Regional do Noroeste do Estado do Rio Grande do Sul (Unijuí), que participaram da mesa “Tecnologia, escola e violência”. As demais três mesas temáticas debateram a respeito de assuntos como “Pedagogia, biopolítica e ética”, “Linguagem, escola e violência” e “Filosofia na escola”.

Na tarde da quinta-feira (7), cerca de 50 trabalhos, divididos em nove eixos temáticos, foram apresentados por estudantes de graduação e pós-graduação, não só da UFSM, mas também da Universidade Federal do Pampa (Unipampa), Universidade de Caxias do Sul (UCS), Universidade Regional Integrada do Alto Uruguai e das Missões (URI) e Universidade Federal de Mato Grosso do Sul (UFMS).

Segundo a organização, esta edição do Senafe e Seinfe contou com a presença de mais de 200 ouvintes, entre professores e estudantes de pós-graduação, do ensino superior e básico das redes municipal, estadual, federal e privada de ensino. A programação completa e outras informações estão disponíveis aqui.

Texto: Ana Laura Iwai, acadêmica de Jornalismo e bolsista da Agência de Notícias

Edição: Lucas Casali


Publicações Recentes