Ir para o conteúdo UFSM Ir para o menu UFSM Ir para a busca no portal Ir para o rodapé UFSM
  • Acessibilidade
  • Sítios da UFSM
  • Área restrita
Início do conteúdo

PRAE recepciona novos moradores da Casa do Estudante em seminário integrador



Ísis Portolan dos Santos, pró-reitora adjunta da Proinfra, apresentou detalhes da infraestrutura da UFSM aos novos moradores da CEU

Na última sexta-feira (2), a Pró-Reitoria de Assuntos Estudantis da UFSM realizou o Seminário de Integração e Recepção a Novos Moradores da CEU (Casa do Estudante Universitário). O evento aconteceu no auditório do Colégio Politécnico, com a participação de novos estudantes que ingressaram no segundo semestre de 2019. Além de integrar os novos moradores, o seminário teve o objetivo de apresentar toda a estrutura disponível em assistência estudantil na universidade, além de regras e observações sobre a infraestrutura das CEUs e também do Restaurante Universitário (RU).

A abertura do seminário foi realizada pelo reitor da UFSM, professor Paulo Afonso Burmann. No seu discurso de boas vindas, Burmann destacou que a universidade possui um dos mais complexos e abrangentes programas de assistência estudantil da América Latina. Para o reitor, esta posição de referência impõe um grande desafio de gestão frente aos constantes contingenciamentos e cortes que atingem a universidade nos últimos anos. Entretanto, destaca o trabalho de intermediação da PRAE no diálogo com os estudantes para aperfeiçoar e ajustar a política de moradia da UFSM.

Já o pró-reitor de Assuntos Estudantis, professor Clayton Hillig, destacou que o lugar de referência da UFSM foi conquistado por iniciativas que vêm desde a sua fundação, cujas primeiras unidades de moradia estudantil começaram a ser construídas em 1963. A política de moradia permite que a universidade atenda a todos os estudantes com o perfil PNAES (Plano Nacional de Assistência Estudantil). Hillig lembrou que o programa não prevê somente moradia e alimentação, mas também transporte, saúde, inclusão digital, cultura, esporte, creche e apoio pedagógico.

Pró-reitor de Assuntos Estudantis, professor Clayton Hillig

De acordo com o pró-reitor, o número de estudantes com benefício socioeconômico foi de 400, em 2003, para mais de 4.300, graças às ações afirmativas e à democratização do acesso ao ensino superior na UFSM, exigindo uma demanda muito maior em assistência estudantil. Hillig reafirmou a necessidade de estudantes e instituição se unirem em torno de pautas comuns, entre elas, a moradia.

Atualmente, são mais de 2.300 moradores distribuídos nos campi de Santa Maria, Frederico Westphalen, Cachoeira do Sul e Palmeira das Missões. Durante o seminário, o reitor Paulo Burmann também anunciou que está prevista para o final do ano a finalização do prédio da CEU no campus de Cachoeira do Sul, que prevê 120 vagas.

O seminário integrador também teve a participação da pró-reitora substituta da Proinfra, professora Ísis Portolan dos Santos, e da nutricionista do RU2, Vanessa Bischoff Medina. A pró-reitora conversou sobre a infraestrutura física da UFSM, cuidados com o espaço e dicas importantes para o uso da estrutura da CEU e de outros locais do campus. Já a nutricionista Vanessa Medina apresentou a estrutura, o funcionamento e as regras do Restaurante Universitário e reforçou a necessidade do agendamento das refeições.

Reportagem e fotos: Davi Pereira


Publicações Recentes