Ir para o conteúdo UFSM Ir para o menu UFSM Ir para a busca no portal Ir para o rodapé UFSM
  • Acessibilidade
  • Sítios da UFSM
  • Área restrita

Aviso de Conectividade Saber Mais

Início do conteúdo

Projeto Flores para Todos inicia quinta fase contemplando 14 municípios gaúchos



Foto colorida horizontal mostra pessoas plantando e olhando o plantio em uma área de terra atrás de um pequeno prédio térreo
Jacuizinho foi um dos municípios contemplados pelo plantio dos bulbos de gladíolos

O mês de fevereiro foi marcado pelo início da quinta fase do projeto Flores para Todos no Rio Grande do Sul. O objetivo será o cultivo de gladíolos para comercialização no próximo Dia das Mães. Ao todo, são 14 municípios gaúchos participantes nesta fase: Silveira Martins, São Vicente do Sul, Cachoeira do Sul, Faxinal do Soturno, Itaara, Júlio de Castilhos Toropi,  Herveiras, Mato Leitão, Jacuizinho, Venâncio Aires, Pantano Grande, Panambi e Morro Redondo, envolvendo 13 famílias e quatro escolas de ensino fundamental do campo. Nos municípios da Quarta Colônia de Imigração Italiana (Faxinal do Soturno e Silveira Martins), o projeto será conduzido em parceria com o Projeto Geoparque Quarta Colônia.

O plantio dos bulbos de gladíolos, atividade que marcou o início da quinta fase do projeto, foi realizado dentre os dias 14 e 21 de fevereiro. Foram plantados 3.600 bulbos de gladíolo, com expectativa de colheita de 7.200 flores. Com esta produção, se buscará atingir os dois principais objetivos do projeto: para o produtor, introduzir a floricultura como alternativa de renda e de diversificação de culturas para pequenos agricultores familiares, e nas escolas rurais, produzir hastes florais para a decoração de festas nas escolas e nas comunidades de abrangência.

Os integrantes da Equipe PhenoGlad da UFSM, acompanhados dos técnicos da Emater/RS-Ascar, percorreram os municípios contemplados realizando o plantio dos bulbos, bem como dando instruções referentes aos primeiros manejos a serem realizados. Para cada produtor e/ou escola rural, foram entregues 200 bulbos, de quatro cores diferentes.

No momento do plantio os produtores têm a opção, utilizando como ferramenta o aplicativo PhenoGlad Mobile, de realizar o escalonamento de plantio, criando desta forma uma janela maior no tempo de colheita e, por consequência, de comercialização das hastes. O aplicativo PhenoGlad Mobile foi desenvolvido pela Equipe PhenoGlad da UFSM e da Universidade Federal de Santa Catarina e pode ser baixado sem custo na Playstore.

Além do acompanhamento na fase de plantio, serão feitas outras três visitas técnicas, para manejo da adubação nitrogenada em cobertura e desbrote das plantas, realização do tutoramento e, a última, no final do ciclo, com a colheita das flores. Após o término de quinta fase do projeto, será realizada uma reunião de avaliação com a participação dos agricultores, das escolas, dos extensionistas da Emater e de integrantes da Equipe PhenoGlad.

Além da produção nos 14 municípios da quinta fase do Flores para Todos, foram plantados 2.040 bulbos por produtores que participaram das fases anteriores do projeto, sendo 11 produtores que participaram da quarta fase, uma produtora da terceira fase, uma escola da segunda fase e dois produtores da primeira fase, totalizando uma produção esperada no Rio Grande do Sul de 11.280 hastes florais de gladíolo no primeiro semestre de 2020.

No Brasil, desde 2018, serão 69 municípios nos três estados da Região Sul abrangidos pelo projeto até a metade de 2020. No Paraná, espera-se que sejam produzidas 10 mil hastes de gladíolos em 2020.

Mais detalhes dos números dos dois primeiros anos do projeto no link.

Assista ao vídeo de avaliação da quarta fase do projeto:


Publicações Recentes