Ir para o conteúdo UFSM Ir para o menu UFSM Ir para a busca no portal Ir para o rodapé UFSM
  • Acessibilidade
  • Sítios da UFSM
  • Área restrita

Aviso de Conectividade Saber Mais

Início do conteúdo

Projeto SISASTROS é pauta de visita do Exército Brasileiro na UFSM



Na tarde desta terça-feira, 23, o reitor da UFSM, Paulo Burmann, e o vice-reitor, Luciano Schuch, receberam uma equipe de militares do Departamento de Ciência e Tecnologia (DCT) do Exército Brasileiro, entre eles os Generais Dahmer, Wolsky e Góes. Outros militares e professores da UFSM também estiveram presentes. 

O objetivo do encontro foi estreitar laços e reforçar a parceria entre Universidade e Exército no desenvolvimento de ações conjuntas. Essa cooperação tem por finalidade o intercâmbio de recursos técnicos e humanos, buscando desenvolver ações de pesquisa, ensino e extensão, envolvendo interesses mútuos nas áreas de tecnologia da informação e comunicações, inovação tecnológica, segurança e capacitação de recursos humanos.

Uma das ações que já é desenvolvida nessa perspectiva é o SISASTROS, convênio firmado em abril de 2020 para o desenvolvimento do projeto “Sistema Integrado de Simulação ASTROS – Grupo de Mísseis e Foguetes (SIS-ASTROS GMF)” durante 4 anos.  Paulo Burmann destacou que este projeto é uma das importantes frentes com que a UFSM vem trabalhando. “O desenvolvimento de tecnologia melhora os indicadores da Universidade e beneficia os nossos estudantes. Esta parceria é fundamental para dar as respostas que a nossa sociedade espera”, afirmou o reitor. 

Luciano Schuch, vice-reitor, salientou que a última década marca a maturidade e o profissionalismo da parceria entre a UFSM e o Exército Brasileiro. “Essa parceria vem dando certo, mostrando que a tríplice hélice funciona. Hoje vemos a Universidade desenvolvendo tecnologia, com apoio das Forças Armadas, para desenvolvimento da sociedade e para a soberania nacional”, destacou Schuch.

Já o General Dahmer ressaltou que a UFSM é um case de sucesso. “A Universidade é uma grande parceira do Exército no desenvolvimento de pesquisa e inovação. Os projetos avançaram muito, possibilitando a entrega de produtos que capacitam a equipe e melhoram o emprego operacional da tropa”, finalizou Dahmer.

No dia 18 de março, outra equipe do Exército Brasileiro também visitou a UFSM para acompanhar o desenvolvimento do SISASTROS, verificar a possibilidade de liberação de recursos para novas fases e discutir possíveis integrações com outras empresas no desenvolvimento do sistema.

Texto: Assessoria de Comunicação do Gabinete do Reitor

 

Publicações Relacionadas

Publicações Recentes