Ir para o conteúdo Coronavírus - COVID-19 Ir para o menu Coronavírus - COVID-19 Ir para a busca no site Coronavírus - COVID-19 Ir para o rodapé Coronavírus - COVID-19
  • Acessibilidade
  • Sítios da UFSM
  • Área restrita

Aviso de Conectividade Saber Mais

Início do conteúdo

Projeto e ações no combate à Covid-19

A Universidade Federal de Santa Maria está ativa na execução de ações, na mobilização, liderança e articulação entre entidades e pessoas frente ao contexto de pandemia da Covid-19. Seus servidores e discentes estão empenhados, atuando remotamente em suas funções dirigidas para o interesse público em cada uma das suas especificidades. Em 13 de março a instituição manifestou-se através da Nota da UFSM sobre Coronavírus (COVID-19). Em 16 de março, a UFSM suspendeu atividades acadêmicas e administrativas presenciais

Nossas ações também estão disponíveis no Painel Coronavírus do Ministério da Educação (MEC).

Captação de recursos para combate à Covid-19 por meio de projeto da Fatec

A Fundação de Apoio à Tecnologia e Ciência (Fatec) elaborou um projeto para apoiar as ações e estratégias da UFSM voltadas ao combate ao coronavírus. Trata-se da “Ação Fatec/UFSM contra a pandemia Covid-19”, uma iniciativa para arrecadar doações de pessoas físicas e jurídicas que serão destinadas aos diferentes projetos em execução pela UFSM e Hospital Universitário de Santa Maria (Husm) no enfrentamento à pandemia.

O objetivo da Fatec é atuar como um elemento de ligação entre o esforço comunitário e o esforço técnico-científico da UFSM, auxiliando no suprimento de bens de capital e de consumo para as atividades da comunidade acadêmica engajada em encontrar soluções inovadores para o combate à pandemia.

 
UFSM participa de chamamento público para aquisição de EPIs, insumos, medicamentos, materiais e equipamentos hospitalares

A Universidade Federal de Santa Maria participa do Edital 02/2020 de chamamento público para aquisição de equipamentos de proteção individual, medicamentos, materiais e equipamentos hospitalares, como também reagentes e outros insumos de pesquisa necessários ao enfrentamento da Covid-19.

O edital é coordenado pela Universidade Federal de São Paulo (Unifesp) e concentra a solicitação de materiais para diversas universidades e hospitais universitários do país. A aquisição de forma conjunta possibilita vantagens para as entidades, pois a redução de custos por meio da compra de maiores quantidades culmina em economia de escala.

Ampliação da produção de álcool gel

Dois profissionais produzindo álcool gelA Usina Piloto de Etanol do Colégio Politécnico formou uma frente de trabalho para agilizar a produção de álcool gel com os insumos que estavam em estoque. Em outra frente de trabalho da UFSM no enfrentamento à pandemia do Covid-19, a Farmácia Escola do Centro de Ciências da Saúde (CCS) também contribuiu com a produção de álcool gel para o HUSM. O Laboratório do CCNE (Lachen) também contribui com a produção e doação de 30 litros de álcool gel para o HUSM. 

Além disso, o Almoxarifado da Química doou cerca de 300 litros de álcool e o Laboratório de Infectologia doou cerca de 300 litros de álcool para a produção de álcool gel. Uma empresa do Paraná também doou 2 mil litros de álcool para a produção de álcool gel.

Mais de 4 mil litros de álcool produzidos na UFSM são doados para entidades

Entre os meses de abril e junho, a UFSM produziu mais de 4 mil litros de álcool para doações. A produção faz parte de um projeto da Usina Piloto de Etanol do Colégio Politécnico e Farmácia Escola, em parceria com a Receita Federal. O projeto já estava em desenvolvimento, porém foi intensificado em março, devido à demanda da pandemia da COVID-19.

O álcool produzido ( gel 70%, líquido 70% e líquido 92%) é encaminhado diretamente a setores e entidades, conforme demanda. O processo é coordenado pela Pró-Reitoria de Extensão e registrado pelo Almoxarifado Central. Até o momento, os produtos foram distribuídos tanto para setores do campus Santa Maria, como Casa do Estudante, CTISM e Polifeira do Agricultor, quanto para o campus Frederico Westphalen. Entidades externas também receberam doações, como em ação com selecionadores de material reciclável, Colônia de Pescadores em Cachoeira do Sul, além de universidades como Unipampa e UFPel.

O volume de álcool distribuído se refere às doações realizadas até o dia 8 de junho. Confira a tabela completa de distribuição.

Produção de sabão artesanal em Frederico Westphalen

Duas profissionais embalam sabonetes em uma bancadaIntegrantes do projeto de reaproveitamento de óleo de cozinha entregaram uma remessa de sabão artesanal para a Prefeitura Municipal de Frederico Westphalen. O sabão foi produzido pela comunidade acadêmica da UFSM-FW para auxiliar no combate ao novo coronavírus, já que lavar as mãos com sabão é uma das principais orientações da Organização Mundial da Saúde.
A atividade iniciou no 1º semestre de 2019, com o objetivo de produzir sabão para limpeza em geral a partir da reutilização de óleo cozinha, evitando o descarte incorreto no meio ambiente.

UFSM recebe doação de insumo para a produção de álcool em gel, álcool glicerinado e produtos de sanitização

Em 7 de abril, a UFSM recebeu uma doação de 100 kg de glicerina bidestilada USP. O produto foi transportado para o Campus de Santa Maria, onde uma equipe formada por profissionais da Ciência e Tecnologia de Alimentos, da Farmácia Escola, da Química e do Colégio Politécnico estão trabalhando na produção de álcool em gel, álcool glicerinado e produtos de sanitização.
A doação foi realizada pela unidade da Granol de Cachoeira do Sul.

Fabricação de EPIs

Mesa com várias máscaras de proteção indivisualFoi criada a frente de ação de impressão 3D, envolvendo diversos laboratórios da UFSM, Universidade Francisca, empresas das Incubadoras Universitárias e Parque Tecnológico, com apoio do HUSM, Lauduz – Covid-19 – Saúde Pública Online, Agência de Desenvolvimento de Santa Maria, Polícia Civil e Centro de Apoio à Pesquisa Paleontológica (Cappa) da UFSM. 

O objetivo da frente é atuar na impressão de peças e itens que possam ser utilizados na confecção de Equipamentos de Proteção Individual (EPIs)

Entre as ações:

  • Impressão da base dos protetores faciais para profissionais da saúde. A frente tem capacidade de fabricar aproximadamente 40 protetores faciais por dia, que estão sendo distribuídos no HUSM, outros hospitais e forças de segurança em Santa Maria.  Busca doação de folhas de acetato (transparente) e outros materiais para as montagens.
  • Elaboração, junto ao Colégio Evangélico de Panambi/RS, de um molde para injeção de plástico da base dos protetores faciais. Poderão ser fabricados 2 mil protetores faciais por dia.
  • Pesquisa para elaborar soluções para reposição de peças dos respiradores que estejam indisponíveis no mercado. 
  • Produção de conexões de respiradores.
Produção de protetores faciais para Hospital de Caridade de Cachoeira do Sul

Impressora 3D imprimindo más de proteção individualO campus da UFSM em Cachoeira do Sul, através do curso de Arquitetura e Urbanismo, passou a compor o grupo chamado Frente de Impressão 3D, para atuar na produção de Equipamentos de Proteção Individual (EPIs) para o Hospital de Caridade e Beneficência (HCB). O grupo, iniciado no campus sede da UFSM, tem produzido estes equipamentos visando auxiliar na proteção dos profissionais da saúde.

Ao constatarem que o HCB necessita desse tipo de proteção para o enfrentamento da COVID-19, foi iniciada a impressão de um modelo que já está validado por médicos de outros estados. O arquivo do tipo STL (modelo 3D para impressão) foi fornecido pelo grupo de Santa Maria. 

UFSM-FW entrega protetores faciais para combate ao coronavírus em Frederico Westphalen e região

Quatro pessoas mostrando as máscaras de proteçãoA UFSM-FW realizou a entrega de 100 protetores faciais para profissionais da saúde. O Hospital Divina Providência (HDP) de Frederico Westphalen recebeu 75 máscaras e outras 25 foram entregues à prefeitura de Seberi. 

Pensando em contribuir com o combate ao coronavírus em Frederico Westphalen e demais cidades da região, a UFSM-FW buscou parceria com projeto Frente da Impressão 3D da UFSM Sede para viabilizar a entrega de máscaras para região. O Colégio Evangélico Panambi é parceiro do projeto da Universidade para a montagem e impressão das máscaras. 

Vídeo de instrução sobre uso de EPIs

O Serviço de Controle de Infecção Hospitalar do Hospital Universitário de Santa Maria, em parceria com o Núcleo de Tecnologia Educacional (NTE) da UFSM, produziu um vídeo com instruções aos profissionais de saúde sobre o uso correto dos Equipamentos de Proteção Individual (EPIs) durante a pandemia do novo coronavírus (COVID-19)

O tutorial está em uso também pela Sociedade Brasileira de Infectologia e pela Rede Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (Ebsehr).

Projeto de reesterilização de EPIs

Quatro homens reesterilizando equipamentos de proteçãoUm dos principais desafios enfrentados pelo sistema de saúde durante a pandemia de COVID-19 tem sido a escassez de equipamentos. Uma das alternativas encontradas para o problema é a reesterilização dos materiais. Em Santa Maria, o Hospital Universitário (HUSM) desenvolveu um projeto de reesterilização e reaproveitamento de Equipamentos de proteção individual (EPIs) através do uso de irradiação germicida ultravioleta (UVGI).

Maçanetas do tipo “hands free”

Protótipo de maçaneda hand freeO Colégio Técnico Industrial da UFSM (CTISM), juntamente com um grupo de voluntários de outras instituições, está produzindo maçanetas do tipo “hand free” (que não necessitam do uso das mãos para abrir). Elas têm como destino o Hospital Universitário de Santa Maria (HUSM) e já foram instaladas em algumas portas do Pronto Socorro, Unidade COVID e no Centro Cirúrgico.

O projeto das maçanetas “hands free” surgiu de uma demanda do HUSM. Ao preparar a área de isolamento para o atendimento dos casos de pacientes com COVID-19, e também de outras áreas críticas do hospital, notou-se que a abertura das portas por maçanetas convencionais representava um grande risco de contaminação. Para solucionar este problema, foi projetado por professores do CTISM um dispositivo que pode ser instalado em fechaduras normais, permitindo a abertura e fechamento da porta sem tocá-las com as mãos.

Construção de rodo com luz UV para limpeza hospitalar

Um grupo de pesquisadores está produzindo Rodos UV-C para limpeza dos pisos de hospitais. Os equipamentos desenvolvidos na Universidade se destinam à desinfecção de centros de saúde e hospitais que estão atendendo diretamente pacientes com coronavírus, como o Hospital Universitário de Santa Maria (HUSM) e Hospital Universitário da Universidade Federal de Rio Grande (FURG).

O Rodo UV-C, utilizando radiação ultravioleta, tem como foco combater bactérias e vírus, principalmente o Sars-Cov-2, o coronavírus, que pode sobreviver durante horas em superfícies como madeiras e porcelanas e também se alastrar por meio dos calçados. O projeto está sendo desenvolvido pelo grupo  iTecCorona, uma frente tecnológica criada para atuar no desenvolvimento, adaptação e construção de soluções científicas e tecnológicas, de baixo custo, para o combate e prevenção da Covid-19. 

Recuperação e desenvolvimento de respiradores

Respirador recuperadoProjeto desenvolvido em parceria pelo Centro de Tecnologia, Pró-reitoria de Planejamento da UFSM e médicos da cidade. Atua em três frentes:

  • Recuperação de respiradores danificados: o grupo irá buscar respiradores antigos e em desuso, testá-los e enviá-los para manutenção para que, posteriormente, sejam colocados à disposição da comunidade.
  • Adaptação de respiradores manuais: criação de um dispositivo que comprima o balão do AMBU automaticamente, sem a necessidade de um profissional para executar esta ação. Já existe um protótipo em fase de testes.
  • Desenvolvimento de respiradores de baixo custo: criação de dispositivos  mais simples que os disponíveis comercialmente, mas que possam ser usados para auxiliar no tratamento de pacientes com dificuldades respiratórias causadas pelo Coronavírus. Já existe um protótipo em fase de testes.
UFSM recebe respiradores de Frederico Westphalen e região para conserto e adaptação

O Centro de Tecnologia (CT) e o Colégio Técnico Industrial (CTISM) da Universidade Federal de Santa Maria (UFSM) está consertando, adaptando e desenvolvendo respiradores hospitalares. A UFSM-FW mediou o encaminhamento de respiradores de hospitais de Frederico Westphalen e região para reparo no campus UFSM em Santa Maria.

Os equipamentos já estão em processo de reparo. A equipe do projeto divulgou o status da manutenção:

Hospital de Caiçara: Identificação de vazamento no sistema de mangueiras, pois alguns controles não atuam bem.

SAMU Seberi: Suporte monitor recuperado. Trabalho na manutenção da fonte, pois com a bateria original não opera de acordo com o esperado

Hospital Divina Providência: Aguardando orçamento de três placas internas que necessitam de reparo.

Projeto da UFSM entrega respiradores recuperados para tratar COVID-19

Dois brigadianos com respirador reparadoNa UFSM, um grupo de pesquisadores está atuando para recuperar aparelhos que estavam estragados e em desuso. Ao todo, até agora, 10 respiradores já foram recuperados.

A equipe responsável pelo projeto recebeu, até o momento, 28 respiradores. Destes, 3 foram entregues para a Associação Cultural Recreativa e Beneficente São Marcos, de Sobradinho, outros 5 serão enviados para São Gabriel, outro, disponibilizado para o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) de Seberi, dois ficam em Santa Maria, no Hospital da Brigada e SAMU. Os demais equipamentos estão no laboratório aguardando peças dos fornecedores.

Atualmente, o projeto conta com 30 voluntários envolvidos, alocados em três frentes de trabalho: Logística, Compras e Técnica, sendo esta última, presencialmente no laboratório do LAMI/CTISM, divididos em dois turnos de trabalho. Os voluntários são docentes, técnicos administrativos e alunos, todos do Centro de Tecnologia, Colégio Técnico Industrial de Santa Maria, Hospital Universitário de Santa Maria e Reitoria.

Realização de testes para Covid-19 em Santa Maria

Profissional analisando amostras em laboratório

No início de maio, a UFSM, campus Santa Maria, iniciou a realização de exames para Covid-19. A estimativa é que, inicialmente, a instituição possa processar 150 testes/dia, mediante critérios médicos e epidemiológicos. 

Os testes serão feitos a partir da demanda de internações de unidades de saúde da região e, eventualmente, do Estado. Profissionais que atuam no enfrentamento da Covid-19,  com suspeita de contágio, também serão atendidos, mediante critérios adequados.

A iniciativa é um esforço conjunto de docentes e técnicos pesquisadores, com apoio da estrutura administrativa da UFSM, do Hospital Universitário de Santa Maria UFSM-EBSERH, do Ministério Público Federal, do Ministério Público do Trabalho e de empresas parceiras. Uma equipe de profissionais da Universidade Franciscana também atua de forma integrada e vai realizar os exames sob os mesmos padrões técnicos e critérios de demanda.

Realização de testes de Covid-19 em Palmeira das Missões

Começaram a ser realizados, no campus da Universidade Federal de Santa Maria de Palmeira das Missões, os testes para COVID-19 (Coronavírus). O trabalho é realizado, voluntariamente, por estudantes e servidores da instituição que fazem parte dos Laboratórios de Genética Evolutiva e Microbiologia.

Depois de muitos dias de preparação, a equipe recebeu a primeira amostra de um paciente suspeito de COVID-19 no município de Palmeira das Missões e iniciou os primeiros testes. 

UFSM-PM duplica capacidade de testes diários de Covid-19

No início deste mês de junho, os laboratórios de Genética Evolutiva e Microbiologia da Universidade Federal de Santa Maria campus Palmeira das Missões receberam um equipamento que vai auxiliar os pesquisadores na realização de diagnósticos de Covid-19 em pacientes com os sintomas da doença. A chegada do extrator de RNA vai proporcionar a duplicação da capacidade de testagem em Palmeira das Missões.

A partir da instalação do equipamento, que teve um investimento de R$ 90 mil, será possível realizar exames nas 43 cidades da Associação dos Municípios da Zona da Produção (Amzop). O extrator foi adquirido a partir de parceria entre o Sistema de Crédito Cooperativo (Sicredi) e a Amzop.

UFSM e estado do Rio Grande do Sul reforçam parceria para realização de testes da Covid-19

Desde 24 de abril, em Palmeira das Missões, e 4 de maio, em Santa Maria, a UFSM já realiza testes laboratoriais para diagnóstico da Covid-19. Na tarde desta quarta-feira (3), ocorreu a assinatura do Termo de Cooperação entre o Estado do RS, através da Secretaria Estadual da Saúde, com a Universidade Federal de Santa Maria e o Hospital Universitário de Santa Maria (HUSM-EBSERH), para firmar a parceria já existente. A UFSM e o HUSM-EBSERH já realizaram, durante este mês de atuação, mais de 1500 testes, nos dois campi envolvidos

Confira número de testes aplicados pela UFSM.

Arrecadação de insumos e doações em geral

Envolvimento da Direção e docentes do Centro de Ciências Naturais e Exatas (CCNE) na arrecadação de verba para a aquisição de insumos e matéria-prima para produção de materiais necessários aos serviços de saúde, bem como alimentos e doações em geral. Além disso, diversos laboratórios realizaram a doação de itens de estoque ao HUSM.

Campanha do Agasalho 2020 da UFSM

A Campanha do Agasalho 2020 da UFSM, através do Observatório de Direitos Humanos (ODH), acontece no mês de maio, com o objetivo de arrecadar o maior número possível de agasalhos, cobertores e calçados. Segundo Victor de Carli Lopes, chefe do Observatório de Direitos Humanos da UFSM, as doações serão distribuídas a moradores da Casa do Estudante Universitário II (CEU II), principalmente aos atendidos pelo Benefício Socioeconômico (BSE), refugiados e imigrantes em situação de vulnerabilidade; ao Hospital Universitário de Santa Maria (HUSM); ao Lar de Mirian e a comunidades no entorno da Vila Brasil, em Santa Maria.

UFSM-Palmeira das Misssões lança Campanha do Agasalho no município

Este ano, a campanha da UFSM-PM conta com diversos parceiros que se uniram para enfrentar a pandemia de Covid-19 e, através do trabalho voluntário, ajudar as populações mais carentes do município.

A Campanha conta com o apoio do LEO Clube, Ordem Demolay, Geral do Grêmio (“Palmeira é Grêmio”), Guarda Popular (“Palmeira nos pertence”) e Private. A ação tem como proposta a união para, assim, alcançar toda a população do município com a arrecadação e doações.

A Campanha do Agasalho União Solidária faz parte de uma iniciativa mais abrangente, a Campanha União Solidária, que tem arrecadado, além de roupas, alimentos não perecíveis, produtos de higiene e limpeza e máscaras. Além disso, acadêmicos do curso de Enfermagem, juntamente com os apoiadores, realizam no momento da entrega das arrecadações uma conscientização sobre cuidados e prevenção da COVID-19, compartilhando informações e capacitando a população ao autocuidado.

Campanha Solidária da UFSM-PM 

O campus da Universidade Federal de Santa Maria de Palmeira das Missões iniciou, no dia 1º de abril, uma Campanha Solidária para arrecadar alimentos e materiais de higiene e limpeza para as famílias que estão passando por dificuldades durante a quarentena provocada pela epidemia do novo coronavírus.

A campanha já arrecadou 60 cestas básicas.

Catadores de materiais recicláveis de Palmeira das Missões recebem máscaras da UFSM-PM

Catadores de Palmeira das Missões recebendo máscarasServidores da Universidade Federal de Santa Maria, campus Palmeira das Missões, realizaram a entrega de 115 máscaras caseiras aos catadores de materiais recicláveis que fazem parte da Associação de Catadores Palmeira Verde. A iniciativa faz parte de um conjunto de ações de cuidado e prevenção à Covid-19 que está sendo realizado no municípios por integrantes do Projeto de Extensão da UFSM-PM Amigos do Futuro, que conta com a parceria de docentes e técnico-administrativos do campus, além de entidades parceiras da comunidade.

Projeto de extensão da UFSM-PM entrega máscaras feitas por voluntárias a famílias carentes e entidades de Palmeira das Missões

Integrantes do Projeto de Extensão Amigos do Futuro da UFSM campus Palmeira das Missões entregaram 100 máscaras, confeccionadas por costureiras voluntárias, para a Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (Apae) de Palmeira das Missões. Ainda nesta semana, serão entregues mais 30 máscaras para crianças, todas serão distribuídas às famílias atendidas pela instituição. 

Outras 100 máscaras, também feitas por costureiras voluntárias que fazem parte do projeto, foram entregues para famílias de bairros carentes de Palmeira das Missões.

Campanha Solidária da UFSM-FW

A UFSM campus Frederico Westphalen (UFSM-FW) iniciou campanha solidária para arrecadações, tanto em dinheiro como em cestas básicas, que auxiliarão no combate e prevenção da pandemia do novo Coronavírus (COVID-19). As doações serão endereçadas para o Hospital Divina Providência (HDP) e para o Centro de Referência de Assistência Social (CRAS) do município.

A campanha permanecerá ativa até que a situação do COVID-19 seja normalizada. Em contato com o CRAS, há previsão de necessidade das cestas básicas para as datas de início dos meses de maio e junho.  Já o HDP precisa de recursos para a compra de Equipamentos de Proteção Individual (EPI), destinados a proteção dos trabalhadores da instituição.

Todos os anos, a UFSM campus Frederico Westphalen arrecada agasalhos com auxílio da sua comunidade acadêmica. Neste ano, incentivado pelo isolamento social, a Universidade decidiu unir forças com entidades do município para a Campanha do Agasalho 2020. A Liga Feminina de Combate ao Câncer, Lions Club, Leo Clube, Associação Comercial, Industrial e de Prestação de Serviços (ACI) e a UFSM-FW estão juntos para arrecadar roupas de inverno para auxiliar a comunidade no enfrentamento da estação mais fria do ano.

Os pontos de coleta são:

Supermercado Barril – R. Aparício Borges, 216 – Centro, Frederico Westphalen

Supermercado Bertoletti – Av. João Muñiz Reis, 1218 – Centro, Frederico Westphalen

Supermercado Sorriso – R. Alfredo Haubert, 619 – Centro, Frederico Westphalen

Supermercado Peretto – R. Santo Ceruti, 605 – Centro, Frederico Westphalen

Livraria Centenária – R. do Comércio, 281 – Centro, Frederico Westphalen

Após a coleta os agasalhos serão entregues para a Secretaria de Assistência Social, que fará a distribuição conforme necessidade dos munícipes.

Grupo de pesquisa Ecoinovar faz doação de cestas básicas
O Fórum Internacional Ecoinovar, como forma de contribuir neste momento de pandemia, realizou a doação de 20 cestas básicas de alimentos para a Secretaria Municipal de Educação. Os alimentos serão distribuídos para famílias de alunos da rede municipal de Santa Maria.
 
Materiais de apoio a cuidadores de idosos durante o período de distanciamento social

Durante o período de distanciamento social que vivenciamos, um dos grupos que precisam de maior atenção são os idosos — não apenas por estarem no grupo de risco do novo coronavírus (Covid-19), mas também por precisarem de cuidados especiais com a saúde e com as tarefas cotidianas. Tendo em vista o convívio entre cuidadores de idosos e a terceira idade, o Programa de Extensão Pacto-UFSM desenvolveu uma série de materiais e atividades de escuta e orientação profissional como forma de auxiliar neste momento, que se mostra tão difícil para grande parte da população.

O Pacto – Programa de Apoio aos Cuidadores da Terapia Ocupacional, ação de extensão vinculada ao curso de Terapia Ocupacional do Centro de Ciências da Saúde da UFSM, atua desde 2018 com trabalhos voltados aos cuidadores de idosos formais (que atuam nas Instituições de Longa Permanência para Idosos, ou ILPIs) e informais (na sua maioria familiares do idoso).

Integrantes do Programa de Educação pelo Trabalho para a Saúde orientam a população sobre a prevenção da COVID-19

Durante o acolhimento aos usuários e suas famílias na rede de Atenção Primária, as preceptoras estão orientando sobre o modo de transmissão do vírus e medidas de higiene pessoal, da casa e do ambiente e de comportamentos como o distanciamento social.

 Ações educativas a distância em escolas e entidades de Palmeira das Missões e região

A equipe do Eixo 2 – Educação Interdisciplinar em Saúde do PET-Saúde/Interprofissionalidade continua com atividades em andamento diante da pandemia do COVID-19. Para contribuir com ações educativas e provocar a conscientização da comunidade regional, junto com os preceptores do programa, os acadêmicos elaboraram um folder educativo distribuído pelos Grupos de WhatsApp e e-mail para os municípios da 15ª Coordenadoria Regional de Saúde.

Estímulo à economia local
A adoção do período de quarentena, para evitar a propagação do novo coronavírus, obrigou o fechamento de vários setores do comércio no Brasil e no mundo. A pandemia da Covid-19, consequentemente, causará impactos econômicos negativos em todos os países. Uma das áreas mais vulneráveis a estes efeitos é a economia local, que envolve pequenos e médios empreendedores, agricultores familiares, comerciantes e profissionais liberais.
Confira as recomendações da UFSM:
– Pague antecipado por serviços prestados por profissionais liberais ou pequenos empreendedores: unhas, corte de cabelo, depilação, terapia, contador, academia, limpeza… Quando for seguro acabar com o isolamento social, você terá muitos serviços pagos pra usufruir.
– Peça tele-entrega/delivery de pequenos restaurantes, lancherias, padarias, fruteiras do bairro. Lembre-se sempre de esterilizar as embalagens, sacolas, frutas e legumes com desinfetante, água sanitária ou água e sabão.
– Divulgue nas suas redes sociais empreendedores locais que estão mantendo os serviços online ou por tele-entrega/delivery.
– Algumas lojas de roupas e acessórios estão atendendo pelo WhatsApp ou Instagram. Que tal adiantar compras ou garantir vale-presentes pra Dia das Mães, Pais, Namorados, aniversários?
NÓS – Rede de Apoio a Trabalhadores e Microempreendedores

Diante do cenário causado pela pandemia da Covid-19, muitos trabalhadores informais, autônomos e microempreendedores se deparam com situações econômicas delicadas. Para auxiliar esses profissionais a passar por essa crise — tentando minimizar os impactos econômicos causados pela doença —, estudantes da Universidade Federal de Santa Maria criaram a NÓS – Rede de Apoio a Trabalhadores e Microempreendedores, que oferece mentoria e orientações para os trabalhadores que estão enfrentando dificuldades em meio à crise por conta da Covid-19. 

A iniciativa, atualmente, conta com 50 voluntários, entre alunos e professores da UFSM e de outras instituições de ensino superior, além de profissionais que atuam no mercado. O projeto oferece assessoria em direito trabalhista, finanças pessoais e empresariais, marketing durante a crise, assim como saúde e segurança no trabalho. Os atendimentos são remotos, através de canais virtuais, respeitando as recomendações de distanciamento social divulgadas tanto pela Organização Mundial da Saúde quanto pelo Ministério da Saúde. As atividades desenvolvidas são totalmente gratuitas.

Os trabalhadores e microempreendedores que quiserem solicitar auxílio à essa rede de apoio deverão preencher o formulário digital, informando dados como área de atuação, dificuldades enfrentadas e urgência da resolução do problema. A ação não é restrita apenas à região de Santa Maria: podem participar profissionais de todo o Brasil.

Dicas para pequenos empresários

Para auxiliar os pequenos empresários de Palmeira das Missões e região, a docente do campus Cristiane Moreira tem realizado uma série de ações para prestar consultoria e apoio para aqueles que possuem negócio próprio. A docente elaborou uma lista de ideias para driblar a crise neste momento de isolamento social e fazer com que as pequenas empresas sobrevivam.

Projeto de extensão da UFSM-FW auxilia micro e pequenas empresas durante a pandemia

O projeto de extensão “Distanciamento social em rede”, lançado nesta semana na UFSM campus Frederico Westphalen, tem o objetivo de auxiliar micro e pequenas empresas e trabalhadores formais e informais do município a fortalecer o relacionamento com clientes, fornecedores e parceiros, por meio de consultoria de comunicação, neste período de distanciamento social motivado pela pandemia de coronavírus.

Os serviços oferecidos são os seguintes: plano de comunicação, redação de textos informativos, produção de material gráfico para divulgação em mídias sociais digitais, edição de imagens e pequenos vídeos, consultoria em atendimento digital e telefônico e capacitação para uso de mídias sociais digitais.

Integração com Fórum de Educação

Desde a semana anterior à suspensão das atividades, a UFSM buscou a articulação com outras entidades de ensino, através do Fórum de Educação Superior de Santa Maria, o qual estabeleceu a data de 16 de março de 2020 para deliberação conjunta quanto à conduta local a respeito da pandemia. Na segunda-feira (16), o Fórum, composto por representantes de todas as instituições de ensino superior da cidade definiu pela suspensão das atividades acadêmicas e administrativas presenciais. A reunião aconteceu na reitoria da UFSM e estiveram presentes representantes da Universidade Federal de Santa Maria (UFSM), Universidade Franciscana (UFN), Universidade Luterana do Brasil (Ulbra), Faculdade Integrada de Santa Maria (Fisma), Faculdade Palotina (Fapas), Faculdade de Direito de Santa Maria (Fadisma) e Instituto Federal Farroupilha (IFFar).  

Universidades federais em ação contra a pandemia da Covid-19

A Associação Nacional dos Dirigentes das Instituições Federais de Ensino Superior (Andifes) apresentou no dia 11/5 relatório das ações desenvolvidas por universidades e institutos federais no combate à pandemia da Covid-19. O estudo reúne números totais de 46 instituições, com atividades realizadas ao longo dos últimos meses em todo o país. Os dados foram divulgados em entrevista coletiva realizada por videoconferência com gestores da Andifes.

Segundo o levantamento, hoje existem 823 pesquisas em andamento nas universidades sobre diferentes aspectos, como entendimento do vírus, equipamentos e testes. No total, são 53 ações de testagem em execução no país. Também se destacou o total de leitos disponibilizados pelos hospitais universitários para tratamento da doença: 2.228 leitos comuns e 489 em UTIs. O relatório traz, ainda, números de produção de álcool, EPIs, ações solidárias, campanhas educativas e parcerias com estados e municípios.

Hospital Universitário de Santa Maria (HUSM) como hospital referência

Fachada do Hospital Universitário com árvoresO Hospital Universitário de Santa Maria foi incluído, no dia 17 de março de 2020, como hospital referência no Plano de Contingência do Rio Grande do Sul, no que se refere ao Coronavírus. A conquista foi resultado de negociação liderada pela UFSM e pelo HUSM junto ao Governo do Estado do RS. O anúncio foi feito ao reitor da UFSM, Paulo Burmann, através da secretária de Estado da Saúde, Arita Bergmann, durante uma reunião com o Governador do estado, Eduardo Leite, secretários estaduais, representantes de Instituições Federais de Ensino Superior e lideranças empresariais. O evento aconteceu no Galpão Crioulo, no Palácio Piratini, em Porto Alegre.

Licitação das obras para construção de mais UTIs no HUSM

Trabalho conjunto das Pró-Reitorias de Infraestrutura e Administração da UFSM, juntamente com o Ministério Público Federal e a Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (Ebserh), para agilizar a licitação das obras de construção de leitos de UTIs no HUSM, aumentando a capacidade de atendimento do Hospital. As obras, que estavam paradas desde 2019 foram retomadas no mês de abril de 2020. O anúncio da liberação de recurso necessário para a retomada da obra da Central de UTIs do HUSM foi feito pela Ebserh, administradora do Hospital. 

A construção, que está 70% concluída, tem um custo total de R$ 4,4 milhões. Desses, a UFSM já possuía em caixa R$ 2,7 milhões, e a Ebserh assegurou o repasse do valor restante, R$ 1,7 milhão. O prazo para finalização das obras é de até 120 dias. A meta inicial é preparar a estrutura para liberar 10 leitos em até 60 dias. Quando concluída a obra, o HUSM terá capacidade para 50 novos leitos.

UFSM distribui oxímetros e aparelhos de PA doados pela Receita Federal a hospitais da 4ª CRS

Quatro pessoas recebendo as doações no Hospital de FormigueiroA Universidade Federal de Santa Maria realizou a distribuição de oxímetros e aparelhos medidores de pressão arterial doados para 12 hospitais da região da 4ª Coordenadoria Regional de Saúde.

No mês de março, a Receita Federal realizou uma doação de materiais à UFSM em volume significativo. De acordo com o reitor Paulo Afonso Burmann, a quantidade de oxímetros e aparelhos de pressão arterial foi o suficiente para suprir as demandas do Hospital Universitário de Santa Maria (HUSM) e hospitais de outros municípios. A UFSM foi responsável por realizar o repasse das doações a hospitais da 4ª CRS, em um processo finalizado no final do mês de maio. Foram distribuídos 180 oxímetros e 60 aparelhos de PA.

Disque Covid UFSM

Equipe Disque CovidA Universidade Federal de Santa Maria abriu um canal de atendimento à comunidade no combate ao novo coronavírus. O “Disque Covid UFSM” é uma central voltada à comunidade interna e externa, de qualquer região, e funciona das 7h às 19h pelos telefones (55) 3220-8500 e 3213-1800. A Central está disponível para esclarecer a comunidade acerca dos procedimentos a serem adotados individualmente ou em relação a pessoas próximas em caso de qualquer suspeita. O principal objetivo é impedir o pânico generalizado, evitando a superlotação  do sistema de saúde. Todas as orientações serão repassadas por uma equipe de estudantes, colaboradores e profissionais de saúde treinados no Centro de Ciências da Saúde (CCS). A central do “Disque Covid UFSM” está instalada em sala no térreo do Hospital Universitário (HUSM). Apenas na primeira semana, o canal atendeu mais de 4 mil ligações, a maioria de residentes de Santa Maria, mas também de outras regiões do Rio Grande do Sul e algumas de outros estados do Brasil.

Para ampliar o atendimento, o “Disque Covid” passou a atender também por chat.

Disque Covid UFSM – Acolhe Mulheres

O isolamento social se apresenta como uma das principais medidas para a contenção do número de casos do novo coronavírus. Porém a adoção do distanciamento tem potencializado o aumento da violência doméstica contra as mulheres. Em busca de promover um espaço de escuta, acolhimento e orientação para as mulheres em situações de violência, a UFSM apresenta o serviço de teleatendimento “Disque Covid UFSM – Acolhe Mulheres”, vinculado ao Observatório de Direitos Humanos da UFSM.

O projeto foi idealizado dentro do Projeto de Extensão Fórum de Enfrentamento à Violência Contra Mulheres de Santa Maria, como uma das ações da campanha Vidas de Mulheres Importam: Santa Maria 50 –50/uma campanha por igualdade.

Participação no Projeto Lauduz, primeiro serviço de telemedicina sem fins lucrativos do Brasil

Trata-se de um serviço gratuito de consultas médicas por vídeo chamadas, destinados a moradores de Santa Maria. A iniciativa de Saúde Pública Online foi desenvolvida por um grupo de médicos e voluntários, entre eles servidores da UFSM e da Universidade Franciscana (UFN), as quais auxiliam cedendo computadores. O Centro de Tecnologia da UFSM presta suporte técnico com salas informatizadas com computadores para que os médicos e professores possam usar na realização das consultas. Estão disponíveis 90 computadores para o uso da plataforma por mais de 250 médicos e 300 formandos de Medicina.

Projeto Central COVID-19 em Frederico Westphalen e Palmeira das Missões

O projeto CENTRAL COVID-19 foi criado com a intenção de auxiliar e instruir a população de Frederico Westphalen (FW) e Palmeira das Missões (PM) a respeito dos cuidados preventivos para evitar a propagação do novo coronavírus.

Para acessar a plataforma, clique aqui.

O projeto é uma plataforma com informações, como endereços e horários de atendimento de estabelecimentos essenciais durante a pandemia da COVID-19. Há instruções a respeito dos cuidados e prevenção que devem ser tomados em relação ao novo coronavírus com o objetivo de evitar sua propagação. 

Além disso, a plataforma disponibiliza um formulário de pré-atendimento que facilita a identificação da doença e coloca os possíveis contaminados em contato com profissionais da Secretaria de Saúde para os devidos encaminhamentos médicos.

A partir disso, será criado um banco de informações para organizar dados e elaborar percentuais, mensurações gráficas e analíticas relacionadas à pandemia do COVID-19. O objetivo é que haja um auxílio nas ações dos profissionais de saúde.  

Projeto Covid Psiq

O Centro Integrado de Atendimento às Vítimas de Acidentes (Ciava) do Hospital Universitário de Santa Maria (Husm) iniciou um projeto de pesquisa, chamado “Covid Psiq”, para monitorar elementos que levam a transtornos psicológicos no contexto da atual pandemia de Covid-19.

A proposta envolve a divulgação simultânea à coleta de dados de alguns resultados nas redes sociais do Ciava, que apontarão os principais sintomas e fatores de risco para desenvolvê-los. Para chegar a essas informações, o grupo elaborou um questionário, aprovado pelo Comitê de Ética, que pode ser respondido online por pessoas com 18 anos ou mais que residam no Brasil ou brasileiros morando no exterior. A pesquisa leva aproximadamente 20 minutos e pode ser respondida por meio de smartphones, tablets ou computadores. O questionário também está disponível no Facebook e no Instagram (@covidpsiq).

Disk Pet informa sobre o coronavírus em animais

A velocidade de propagação do novo coronavírus e os impactos dele no corpo humano despertam dúvidas de como o vírus também pode se comportar em animais. Apesar de até agora nenhuma pesquisa científica ter comprovado que a Covid-19 pode ser transmitida de animais para humanos, não é desconsiderado que eles possam ser infectados e possam ficar doentes. Para esclarecer essas e outras dúvidas da população com relação à doença em animais, o Hospital Veterinário Universitário (HVU) criou um canal de atendimento para fornecer informações aos donos de pets: é o Disk Pet Covid-19.

A equipe do Disk Pet é formada por residentes da Medicina Veterinária, orientados por professores tutores, os quais trabalham em escalas de atendimento em duas linhas telefônicas. Os horários estipulados para responder às perguntas da população são de segunda a sexta-feira, das 8h às 19h, e sábados, das 8h às 13h30. Os telefones para contato são 3220–8257 e 3220–8393.

Alojamentos especiais para profissionais do HUSM

Fachada do prédio InterhouseDesde 30 de março, a UFSM cede alojamentos para os profissionais de saúde do Hospital Universitário de Santa Maria (HUSM) que estão trabalhando no combate à Covid-19. Os profissionais ficarão hospedados na Inter House, localizada no campus sede da UFSM, diminuindo, assim, o perigo de contaminação para seus familiares. Os profissionais de saúde poderão ocupar o alojamento pelo tempo que for necessário e contarão com o apoio da Pró-reitoria de Infraestrutura.

Negociação para liberação do Hospital Regional em Santa Maria

O Gabinete do Reitor, juntamente com Governo Municipal, HUSM, Ministério Público Federal e demais lideranças locais negociam a liberação do Hospital Regional para atendimento durante o período da Crise do Coronavírus. 

Projetos de pesquisa contemplados em edital da FAPERGS para o combate à COVID-19

Lançado no início de abril pela Fundação de Amparo à Pesquisa do Rio Grande do Sul (FAPERGS), o edital emergencial Ciência e Tecnologia no combate à COVID-19 anunciou o resultado preliminar dos projetos selecionados. Cinco pesquisadores da Universidade Federal de Santa Maria tiveram seus projetos contemplados e receberão fomento para a execução

Projetos da UFSM contemplados

  • Ansiedade, depressão, estresse e sua relação com a saúde e percepção de riscos e danos de profissionais de enfermagem de hospitais de referência do Rio Grande do Sul no enfrentamento da pandemia COVID-19: estudo de métodos mistos, da professora Alexa Pupiara Flores Coelho, do curso de graduação em Enfermagem da UFSM-Palmeira das Missões.
  • Saúde mental e uso de substâncias psicoativas em estudantes da área da saúde durante a pandemia da covid-19, da professora do Departamento de Enfermagem Daiana Foggiato de Siqueira. 
  • Observatório socioeconômico da covid-19: uma análise do impacto da pandemia em questões econômicas e sociais por meio de uma perspectiva estadual, regional e nacional, do professor do  Departamento de Economia e Relações Internacionais Daniel Arruda Coronel. 
  • Desenvolvimento de uma plataforma multiplex para diagnóstico molecular diferencial de COVID-19, do professor Eduardo Furtado Flores, do Departamento de Medicina Veterinária Preventiva.
  • Estudo dos Efeitos da Azitromicina, Anticorpo anti-CD147, Indometacina e Nimesulida na Infeção de Células Pulmonares Humanas com SARS-CoV2, da professora Micheli Mainardi Pillat, do Departamento de Microbiologia e Parasitologia da UFSM. 

UFSM participa de pesquisa inédita no RS sobre avanço do Covid-19 no Estado

Iniciativa vai estimar, com base científica, o percentual da população gaúcha infectada pela Covid-19 e o ritmo de avanço da pandemia no Rio Grande do Sul. É um estudo inédito, a partir de amostragens epidemiológicas sequenciais, e que permitirá identificar a prevalência da doença por regiões, o contingente de pessoas atingidas pelo novo coronavírus, mas que não apresentam sintomas e projetar incidência de casos mais graves e até o grau de letalidade da doença.

Sob a coordenação do reitor da Universidade Federal de Pelotas (UFPel), o trabalho da epidemiologia da Covid-19 mobiliza um grupo de especialistas da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS), Universidade Federal de Ciências da Saúde de Porto Alegre (UFCSPA), Universidade Federal de Santa Maria (UFSM) e Universidade Federal do Pampa (Unipampa). O Comitê reúne também pesquisadores do Departamento de Economia e Estatística (DEE/Seplag), técnicos da própria secretaria e de outros setores do governo, além de colaboradores externos, em particular das principais universidades e hospitais.

Observatório de Dados da COVID-19 para Santa Maria

Mapa dos Suspeitos e Confirmados 14_04 (15_04)A Universidade Federal de Santa Maria já disponibiliza desde a última sexta-feira, 03 de abril, um painel de informações sobre o novo coronavírus. O Observatório de Dados da COVID-19 para Santa Maria busca traçar um panorama diário sobre a evolução dos casos da doença no município. O Observatório faz parte dos esforços de um grupo de pesquisadores da UFSM voltado ao levantamento de dados, análise e produção de informações sobre a COVID-19. A iniciativa atende a uma solicitação do Ministério Público Federal para que as universidades mobilizem seu corpo de pesquisadores para a produção de informações e projeções sobre a doença no contexto local.

Observatório Socioeconômico avalia impactos da Covid-19 na economia

A Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do RS (Fapergs) aprovou o projeto de pesquisa Observatório Socioeconômico da Covid-19: Uma Análise do Impacto da Pandemia em Questões Econômicas e Sociais por meio de uma Perspectiva Estadual, Regional e Nacional, com a participação dos professores da UFSM, Unipampa, IMED e UFV.

O projeto visa verificar os impactos socioeconômicos causados pela Covid-19 dentro da realidade do Rio Grande do Sul (RS), das macrorregiões brasileiras e da economia brasileira como um todo, estimando cenários de recuperação para as economias e realidades sociais de cada localidade por meio da criação de um Observatório Socioeconômico da Covid-19.

MIGRAIDH/CSVM integra parceria para diagnóstico e enfrentamento da COVID-19 entre a população migrante e refugiada do RS

Por iniciativa do Fórum Permanente de Mobilidade Humana do Rio Grande do Sul, o Migraidh/CSVM da UFSM, juntamente com Centro Scalabriniano de Estudos Migratórios de Brasília (CSEM-DF) e o Fórum Permanente de Mobilidade Humana de Passo Fundo, RS, realizaram na última semana (13 a 14 de maio) a pesquisa voltada ao Diagnóstico para o Enfrentamento dos Impactos do Coronavírus (COVID-19) na População Migrante e Refugiada no RS

Os resultados foram apresentados por ocasião da reunião do FPMH-RS, realizada na última sexta-feira (15) de forma remota, onde estiveram participaram representações de imigrantes haitianos, senegaleses e venezuelanos, Agência das Nações Unidas para Migrações (OIM), Ministério Público Federal (MPF), Defensoria Pública da União (DPU), Núcleo Regional de Interiorização da Operação Acolhida, Cruz Vermelha Brasileira-RS (CVB-RS), Cáritas Brasileira-Regional RS, Aldeias Infantis SOS-RS, Secretaria de Justiça, Cidadania e Direitos Humanos do Governo do Estado (SJCDH), Comitê Estadual de Atenção a Migrantes e Refugiados, Apátridas e Vítimas do Tráfico de Pessoas (COMIRAT-RS), Regional Sul 3 da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), CIBAI Migrações, Associação do Voluntariado e da Solidariedade de Porto Alegre (AVESOL), Comitê Municipal de Atenção a Imigrantes (COMIRAT-PoA), Centro de Acolhimento ao Migrante de Caxias do Sul (CAM), Fórum de Mobilidade de Passo Fundo (FMPF), MIGRAIDH/CSVM e demais instituições e coletivos da sociedade civil que atuam com imigrantes e refugiados.

Núcleo de Geografia da Saúde da UFSM fornece informações para combate à COVID-19 em condições de desigualdade social
Durante a pandemia causada pelo novo coronavírus, o  Observatório de Dados da COVID-19 da UFSM tem reunido esforços de diferentes setores da universidade no fornecimento de informações sobre a evolução e distribuição territorial dos casos no Rio Grande do Sul. Entre os colaboradores está o Núcleo de Pesquisa em Geografia da Saúde (NePeGS). O Núcleo  mapeou os locais do município de Santa Maria em condições precárias e mais suscetíveis à proliferação do vírus, reunindo informações estratégicas para que o poder público possa combater a pandemia em um contexto de desigualdade social. 
 
PPGAP realiza pesquisa sobre consequências econômicas e financeiras relativas ao Coronavírus

Um grupo de discentes e docentes do Programa de Pós-graduação em Administração Pública (PPGAP) está pesquisando a “(In)segurança Financeira em Virtude da Pandemia. O Isolamento Social está trazendo consequências econômicas e financeiras para os diferentes setores da sociedade, inclusive para a vida financeira de muitas famílias. Diversos trabalhadores informais estão sem poder trabalhar, alguns trabalhadores formais tiveram a renda reduzida e outros perderam o emprego ou estão convivendo com a ameaça da demissão. Assim, o principal objetivo da pesquisa é avaliar a mudança na situação financeira dos brasileiros em função da pandemia da COVID-19.

Edital fomenta de ações de Extensão para prevenção e combate à Covid-19

Diante do cenário causado pela pandemia de Covid-19, a Pró-Reitoria de Extensão da UFSM lançou um edital destinado ao fomento de Ações de Extensão que visem à prevenção, ao combate e ao enfrentamento do novo coronavírus nas regiões de abrangência da Instituição.

A chamada visa apoiar e incentivar ações de extensão desenvolvidas com objetivo de contribuir com a prevenção, cuidados, combate e enfrentamento à pandemia do novo coronavírus (COVID-19).
As inscrições serão recebidas em regime de fluxo contínuo enquanto perdurar o período de pandemia do COVID-19 e conforme disponibilidade de recursos orçamentários.

Aplicativo Saúde Pública NCOVID19

Para atender às urgentes necessidades da Prefeitura Municipal de Santa Maria, quanto à pandemia do vírus COVID-19 que assola todo o país, e como parte do Projeto “INOVAÇÕES GEOTECNOLÓGICAS EM SAÚDE – Desenvolvimento de Inovações Geotecnológicas Aplicadas à Gestão da Vigilância em Saúde para o Município de Santa Maria – RS”, em convênio firmado em 2019 entre a Prefeitura Municipal e a Universidade Federal de Santa Maria, por meio do  Laboratório de Geomática – Núcleo de Geotecnologias do Departamento de Engenharia Rural – CCR, foi elaborado e colocado à disposição da Superintendência de Vigilância em Saúde da Secretaria de Município de Saúde o aplicativo Saúde Pública – NCOVID19. 

Trata-se de um aplicativo computacional elaborado para o sistema Android e, portanto, para os dados serem coletados por aparelhos celulares smartphones e transmitidos e analisados em servidor da UFSM, na base do sistema CR CAMPEIRO.

Desta forma, a Universidade Federal de Santa Maria dá um importante passo no cadastramento e avaliação dos casos referentes à pandemia da Covid-19, em programa que poderá ser disponibilizado às demais instituições nacionais de Saúde.

Tradutores e intérpretes de língua de sinais gravam vídeos em Libras sobre a Covid-19

Os tradutores e intérpretes de língua de sinais da Coordenadoria de Ações Educacionais (CAEd), no período de suspensão das atividades acadêmicas e administrativas presenciais da UFSM, estão gravando vídeos acessíveis por meio da Língua Brasileira de Sinais (Libras) sobre o coronavírus. A maioria das informações veiculadas na mídia é produzida oralmente, e isso prejudica os surdos, que ficam sem acesso aos conteúdos.

A partir disso, a equipe vem realizando estudo dos vídeos e posterior gravação dessas informações, para que a comunidade surda tenha mais acessibilidade e possa saber o que vem acontecendo em relação ao coronavírus. Tudo fica disponível na página do Facebook do Núcleo de Acessibilidade da UFSM.

1ª Jornada Multidisciplinar Online sobre o Enfrentamento da COVID-19

A Universidade Federal de Santa Maria realiza no dia 15 a 19 de junho a 1ª Jornada Multidisciplinar Online sobre o Enfrentamento da COVID-19 na UFSM. Os encontros online serão sempre das 17h às 19h, via Google Meets.

Serão dois temas abordados em cada dia de encontro, que é organizado pelo Grupo de ensino, Pesquisa e Extensão em Bioestatística (GEPEBio) e Grupo de Pesquisa em Comportamento Inovador, Estresse e Trabalho (GPCET), com apoio da Pró-Reitoria de Pós-Graduação, Pesquisa e Extensão. As inscrições são através do Formulário Google, até o dia 15 de junho, ao meio-dia. O link da transmissão será enviado por e-mail aos inscritos.

 Transparência e Comunicação

A UFSM estabelece compromisso com a transparência, educação e instrução para a sociedade que enfrenta a pandemia e as situações dela advindas. São constantemente elaboradas, com atuação remota de servidores e discentes, notícias e conteúdos para plataformas multimidiáticas e convergentes, dentre elas: TV Campus, Rádios AM e FM, Farol, mídias sociais, Site e tecnologias de dispositivos móveis. 

O site www.ufsm.br/coronavirus  reúne todas as notícias, normativas, vídeos e dicas produzidos em relação à suspensão das atividades presenciais e combate à Covid-19.

Outras ações:

  • Produção de notas e comunicados oficiais da gestão da UFSM no período da pandemia, em forma de texto para o site e/ou vídeo para as redes sociais. Além disso, apoio na produção de Portarias e Instruções Normativas da Reitoria e das Pró-reitorias da UFSM e posterior divulgação. 
  • UFSM Responde: live organizada para tirar dúvidas sobre o coronavírus. Foi transmitida ao vivo através da Plataforma Farol e replicada em todas as redes sociais da Universidade. Além disso, transmitida ao vivo nas suas Rádios FM 107.9 e 800 AM. A ação teve como objetivo o esclarecimento de dúvidas, as quais foram enviadas pelos internautas através das mídias sociais, e respondidas pelo Reitor e pelos profissionais da Saúde e pró-reitores presentes. 
  • UFSM Previne: Dicas de prevenção e combate ao Covid-19, com produção e divulgação de conteúdo relativo a dicas de prevenção para site e mídias sociais. 
  • UFSM FAQ: produção e organização de perguntas e respostas a partir de questionamentos das redes sociais (sobre a COVID-19 e sobre o funcionamento da Universidade neste período). As questões são recebidas pelas redes, encaminhadas para especialistas responderem e divulgadas no espaço de Perguntas frequentes no site que reúne todas as informações sobre o Coronavírus. 
  • UFSM Atende: dicas culturais, dicas de estudos e saúde mental, atendimento psicossocial a estudantes e servidores.
  • Produção de conteúdo para o portal da UFSM e envio de matérias e sugestões de pauta para a imprensa local, estadual e nacional. Além disso, atendimento à imprensa através de assessoria especializada.
  • Clipping das notícias sobre a Universidade na imprensa, neste período, quase todas relacionadas à prevenção do COVID-19: https://www.ufsm.br/clipping/
  • Vídeo em homenagem aos profissionais da saúde, segurança e demais  serviços essenciais que seguem trabalhando fora de casa.
  • Fact Checking: Mitômetro – iniciativa da Revista Arco, revista de divulgação científica e cultural da UFSM, com o objetivo de verificar a veracidade de notícias.  
  • Checagem da Hora:  projeto de extensão “Agência Da Hora No Combate à Desinformação: jornalismo colaborativo, checagem de fatos e curadoria de informações durante a pandemia”, uma iniciativa do Departamento de Ciências da Comunicação da UFSM Campus Frederico Westphalen com apoio da Pró-Reitoria de Extensão da UFSM.
  • TV Campus: produção de vídeos com especialistas da área de saúde pela TV Campus.
  • Pesquisa, seleção e exibição de produções de outras IFES sobre a crise do novo coronavírus;
  • Desenvolvimento do formato Especial: UFSM contra a COVID-19“.
  • Veiculação de vídeos governamentais e da Prefeitura Municipal de Santa Maria.
  • Rádios Universidade AM e UniFM: inserções de spots com orientações sobre prevenção e cuidados na pandemia das Rádios FM 107.9 e 800 AM.
  • Programa diário “UFSM informa” com as principais informações do dia sobre o corona vírus. Vai ao ar no fim da tarde e à noite nas duas rádios.
  • Informações sobre contratações emergenciais para combate à Covid-1.
  • Núcleo de Tecnologia Educacional: dicas, cuidados e tutoriais para profissionais da saúde..